”Formamos uma família em 2006”, diz Márcio Mossoró, Campeão da Libertadores com Inter

Foto: Site Oficial/Divulgação/Goztepe

Há quase 14 anos morando fora do Brasil, o meia Márcio Mossoró, ex-Inter e Paulista, em entrevista exclusiva à Rádio Grenal nesta quarta-feira (29) comentou sobre a situação da pandemia do novo coronavírus na Turquia e também sobre a sua passagem pelo Inter.

Após cinco temporadas no Istanbul Basaksehir, o jogador de 36 anos se transferiu para o Goztepe em 2019. Assim como muitos jogadores aqui no Brasil, Mossoró foi liberado pelo clube e mantém os treinamentos como pode, esperando o retorno das competições. “O campeonato é para retornar na primeira ou segunda semana de junho se as coisas ocorrerem bem”, disse.

Mossoró iniciou sua carreira profissional no Ferroviário, de Fortaleza, em 2001. Em 2002, foi transferido para o Santa Catarina. No mesmo ano, passou a defender o Paulista, de Jundiaí. E se destacou no clube do estado de São Paulo, onde participou do vice-campeonato do Paulistão de 2004 e da conquista da Copa do Brasil de 2005.

No segundo semestre de 2005, o jogador mudou de clube, passando a integrar o elenco do Inter. Pelo colorado, o jogador conquistou dois títulos, a Copa Libertadores da América de 2006 e a Recopa Sul-Americana de 2007. “Mantenho contato com meus companheiros daquela época. Formamos uma família em 2006. Tenho uma avaliação positiva. As coisas aconteceram bem, tivemos títulos, com um grande grupo”, relembra.

Sobre o futuro no futebol e se pretende ou não voltar para atuar no futebol brasileiro, o jogador diz que não pretendia pendurar as chuteiras fora do país, mas as coisas podem mudar. “Me adaptei muito bem, estou muito feliz no meu clube. Não tinha pretensão de encerrar a carreira aqui, mas pelo que tem acontecido, acho que sim. Espero que seja aqui ou em Braga, ou no Brasil.”

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Futebol Internacional

Compartilhe esta notícia:

Confira os nomes do futebol brasileiro que podem mudar de clube na próxima temporada europeia
FIFA anuncia aprovação de medida temporária para ampliação de cinco substituições nos jogos
Deixe seu comentário