Valdívia erra pênalti aos 46′ do segundo tempo e Inter atinge 13 jogos sem vitória

Mesmo com uma atuação melhor em relação a ele mesmo, o Internacional deixou escapar a vitória, em um pênalti batido de forma displicente por Valdívia contra o São Paulo aos 46′ do segundo tempo. Com isso a partida terminando empatada em 1×1, placar que deixou os colorados na 14ª posição com 23 pontos à 2 pontos da zona do rebaixamento, somando 13 jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro e torcendo por outros resultados no final do domingo para não figurar no Z4 ao final 21ª rodada. O São Paulo foi aos 27 pontos e figura na 11ª posição.

 

Primeiro Tempo

Pressionado por conta dos últimos 12 resultados, o internacional começou a partida marcando em cima do São Paulo e não permitindo que as melhores ações ofensivas do tricolor paulista surtissem efeito. A volta do goleiro Danilo Fernandes e a estreia de Ceará mostraram uma defesa mais sólida nos primeiros minutos. O experiente lateral, mostrou que está bem fisicamente e apoiou bastante pelo seu lado de ataque, procurando sempre o atacante uruguaio Nico López.

Mesmo melhor em campo, ao passar dos minutos, se percebia que faltava o chute. O Inter não chutava em gol, e cometia muitas faltas para matar os contra-ataques do São Paulo. Aos poucos, o time colorado começou a perder a paciência e ficar nervoso dentro de campo. Com muitos erros de passe do time da casa, o São Paulo aproveitou a desatenção da zaga e Hudson recebeu a bola dentro da área, o são paulino tentou o chute e bola rebateu e sobrou pra o próprio Hudson, que ia entrando na pequena área para finalizar o gol, porém Paulão, estabanado e atrasado, cometeu o pênalti e tomou o cartão amarelo.

Cueva bateu bem, Danilo Fernandes nada pode fazer e o 1×0 em favos dos paulistas estava anotado no placar do Beira-rio. Após o gol sofrido, o Internacional desmoronou em campo, e não conseguiu romper a linha de meio campo vezes o suficiente para empatar o jogo na primeira etapa.

Segundo Tempo

A etapa complementar começou morna pelo lado colorado que demorou a reagir ao gol sofrido ainda na primeira etapa. Celso Roth, ainda no vestiário, tirou Nico López e colocou Ariel. O argentino entrou para tentar o gol na bola aérea, os jogadores colorados demoraram a conseguir se posicionar e se movimentar para que isso acontecesse. Com isso, o São paulo ganhou bastante terreno e controlou o primeiros minutos do segundo tempo.

Aos poucos, o time foi se encontrando e passou a controlar um pouco o jogo, pelo menos em um pequeno período de 5′ onde uma pressão colorada resultou em grandes defesas do goleiro Denis e da trave, que salvaram o tricolor paulista de levar o gol de empate. Ariel, recebeu passe pelo lado esquerdo, fez um ótimo domínio e chutou forte, o goleiro defendeu. Na cobrança do escanteio, Sasha subiu mais que todo mundo e cabeceou forte, Denis espalmou e Seijas chutou forte no rebote, Lyanco, zagueiro do São Paulo desviou e a bola explodiu no travessão e não entrou.

Celso Roth mexeu no time e tirou Sasha para colocar em campo William, porém em uma posição incomum. Essa modificação desarticulou o time e deixou o Inter novamente desorganizado e bagunçado tática e tecnicamente, porém com muita vontade em um cruzamento fortuito de Seijas, Ernando subiu tocou de leve na bola a bola desviou no zagueiro do São Paulo, o goleiro Denis escorregou e a bola entrou na rede são paulina e o jogo estava em patado aos 40′ do segundo tempo. Aos 43′ o estreante Eduardo Henrique invadiu a área e foi derrubado e o pênalti foi bem marcado. Valdívia foi para a cobrança, com a chance de virar o jogo e acabar de vez com a série negativa, o jogador colorado chutou para fora.

Com o empate o time colorado depende dos resultados de três partidas para não encerrar a rodada na zona do rebaixamento, com isso tem que torcer para Coritiba, Figueirense e para o Vitória não vençam  seus confrontos. São treze jogos sem vencer, e a próxima partida é contra o Sport na ilha do Retiro. no próximo domingo (28) às 18h30.

 

Em breve mais informações

Comentários