Roger Machado pede demissão e cúpula do futebol Gremista deve cair

Após mais uma derrota fora de casa, desta vez contra a Ponte Preta, o técnico Roger Machado pediu demissão do comando técnico do Grêmio. Durante o segundo turno, são 5 pontos em 24 disputados. O treinador, se reuniu com a diretoria no final da partida e, segundo o Presidente Romildo Bolzan, a diretoria tentou convencer o ex-comandante a ficar no clube.

Segundo o mandatário, não está descartada a troca de todo o departamento de futebol. O anúncio da mudança no departamento e do novo treinador pode acontecer ainda hoje (15), quando a comissão técnica do Grêmio chegará em Porto Alegre.
Roger Machado chegou no tricolor em maio de 2015 após 93 partidas à frente da equipe, somou 48 vitórias, 21 empates e 24 derrotas. Com aproveitamento de 59% o treinador deixou o comando da equipe e entra na mira dos grandes clubes brasileiros.

Comentários