Renato admite desempenho abaixo do esperado, mas ressalta: “Não adianta jogar bem e não ganhar o campeonato, somos Tricampeões”

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Após a conquista do título do Tricampeonato Gaúcho, o técnico Renato Portaluppi, em entrevista coletiva, admitiu o desempenho abaixo do esperado de sua equipe, que foi derrotada pelo Caxias, de virada, por 2 a 1. Por pouco, o Grená não chega ao terceiro gol e leva a partida para os pênaltis. Apesar da derrota, o Tricolor contava com a vantagem da primeira partida, em que ganhou por 2 a 0 em Caxias. “O Grêmio conseguiu o tricampeonato depois de 33 anos. É mais um recorde que quebramos. Não jogamos bem hoje, mas também não adianta jogar bem e não ganhar o campeonato”, iniciou o técnico.

Apesar de admitir os erros de sua equipe, principalmente durante o segundo tempo, Renato destacou por diversas vezes que o seu time conquistava o sétimo título em quatro anos e que este era o único título disputado no ano de 2020: “Às vezes você precisa jogar com o regulamento, jogar com a competição, ganhar. Vão ver que o Grêmio foi o Campeão Gaúcho 2020 e não o que aconteceu nos 90 min. O Grêmio é tricampeão […] O que sempre procuro colocar em prática é o futebol ofensivo. Vou correr mais risco, é verdade, mas eu não vou ficar me defendendo o tempo todo. Perdemos alguns jogos, e algumas competições, mas ganhamos muito. Em quatro anos, esse foi o 7º título”.

O técnico também falou sobre a situação de Maicon, que era dúvida na partida deste domingo (30), mas apareceu no banco de reservas e entrou em campo aos 42 do segundo tempo: “Têm coisas que durante ou antes da partida vocês não ficam sabendo. O Maicon hoje conversou comigo e disse que estava sentindo dor. Então não quisemos arriscar. Conversei com ele e achei melhor deixá-lo no banco. Ele entendeu isso […] Qualquer outro treinador não teria deixado ele nem ter ido pro banco, mas eu deixei pelo que ele representa. Essa foi a melhor decisão que tomamos. Ele acabou o jogo com dores, e vai fazer exames amanhã para sabermos a situação”. Tanto o camisa 8, quanto o jovem Pepê, também com lesão muscular, devem passar pelo Departamento Médico nesta segunda-feira (31), para serem reavaliados.

Renato chega ao seu sétimo título nesta passagem pelo Grêmio, desde que chegou em 2016. A conquista é soberana. O desempenho de sua equipe na partida contra o Caxias, que sofreu com a virada do adversário, não preocupa Renato. O técnico trata como uma exceção e prefere avaliar o trabalho que vem fazendo nesta temporada: “Eu saio aliviado porque conheço o meu grupo e sei do que ele é capaz. O exemplo disso são as partidas que estamos fazendo no Brasileiro. Hoje o Grêmio se acomodou, mas isso não me preocupa […] Sabíamos que seria duríssimo por ser o jogo da final. Mas o que importa nesse momento é a conquista do título”.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Grêmio perde na Arena, mas conquista o Tricampeonato Gaúcho
Mudança de foco: A sequência de jogos gremistas após o título do Gauchão
Deixe seu comentário