Pedida forte: Herrmann fala sobre negociação com Ferreira e estreia de Douglas Costa

O dirigente gremista conversou com a Rádio Grenal no final da tarde, ontem (08)

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Na noite da última terça-feira (08), o vice-presidente do Grêmio, Marcos Herrmann, falou com a Rádio Grenal em entrevista. Em pauta, foram colocados diversos assuntos importantes, dentre eles a renovação contratual do atacante gremista, Ferreira, a possível estreia de Douglas Costa e o momento de Maicon.

O dirigente mostrou-se feliz pelo momento que alguns jogadores do plantel vivem defendendo as cores da Seleção Brasileira. “Óbvio que não ter eles é um problema. Estamos muito satisfeitos com eles como atletas podendo participar da seleção”, frizou. Brenno e Matheus Henrique vem servindo a seleção olímpica e desfalcaram o tricolor nas últimas partidas.

Sobre a possível renovação de Ferreira, Marcos Herrmann reiterou ser um negócio complicado. O motivo pelo qual é a alta pedida do jogador. Contudo, o dirigente fez questão de reiterar: “As conversas já iniciaram tem 10 dias e o desejo existe em ambas as partes. Acho que não é fácil, a pedida é forte. Mas estamos construir uma alternativa que seja bom para o Grêmio, para o jogador e para seu representante”. O dirigente comentou entender a valorização que o atleta vem exigindo. Ainda, Herrmann respondeu do assédio por uma transferência do atacante: “A tendência é que os jogadores se valorizem mais e passem a ser alvos de outros países a partir das atuações no Campeonato Brasileiro. temos a esperança de fazer o acerto antes disso”, reiterou.

Uma das maiores esperas do torcedor tricolor, e que parece estar perto de acabar, é a estreia de Douglas Costa com a camisa gremista. Herrmann falou sobre os bastidores envolvendo o craque: “O douglas parece um menino no CT. Feliz, contente, trabalhando com os mais jovens e mais experientes. um astral bárbaro, esperamos que faça um Campeonato Brasileiro de primeira linha, sabemos que qualidade de sobra ele têm”. O dirigente comentou que muito em breve o jogador fará seu primeiro jogo com a camisa gremista desde a sua volta.

Herrmann comentou sobre a situação de alguns jovens do elenco. Sobre uma possível investida para ficar com Léo Pereira no plantel, o vice respondeu: “O empréstimo dele termina no fim do ano, mas queremos sim adquirir o Léo Pereira. Mas no tempo certo”. Marcos comentou estar muito feliz com o grupo de jogadores que o Grêmio vem montando. Sobre destaques, o dirigente elogiou Fernando Henrique: “Acho ele diferenciado. Camisa 5 clássico que joga com a cabeça em pé. É muito legal de ver”.

Ainda sobre o elenco, o dirigente contou os bastidores na busca pelo Campeonato Brasileiro, um dos objetivos do tricolor na temporada: “Nós temos três campeonatos pela frente, estamos levando muito a sério. Quando ganhamos o Gaúchão nós conversamos no vestiário que tínhamos “café no bule” para mais, almejar coisas maiores. Brasileirão é extremamente difícil, longo, e precisa de plantel. acreditamos que temos e estamos jogando sério”.

Questionado sobre a possibilidade de Maicon se tornar alguém com função fora das quatro linhas mas trabalhando ainda com futebol, Herrmann respondeu: “É um histórico jogador de futebol do Grêmio. É um líder muito positivo no plantel, tem nos ajudado muito com os jovens. confesso que nunca falamos sobre outros assuntos, não é o caso. Ele quer continuar sendo jogador de futebol e queremos que ele fique no Grêmio. Ele é diferente, completamente único. Mas o futuro a Deus pertence, quem sabe um dia ele dá uma contribuição fora das quatro linhas”.

 

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Novo rumo: O que o Inter procura em um coordenador técnico?
Goleadas, instabilidade e projeto a longo prazo: os 100 dias de Ramirez no Inter
Deixe seu comentário