“Nesse momento, não está em especulação”, afirma vice-presidente do Inter sobre possibilidade de treinos fora de Porto Alegre

João Patrício Herrmann concedeu entrevista à Rádio Grenal

Foto: (Ricardo Duarte/S.C.Internacional)

Apesar do arquirrival Grêmio optar por uma nova estratégica para a realização de treinos, se transferindo para Santa Catarina, o Inter ainda afirma que seguirá com os trabalhos no CT Parque Gigante. Em entrevista à Rádio Grenal, o vice-presidente João Patrício Herrmann afirmou que, momentaneamente, o assunto não está em “especulação”.

“Nós entendemos que estamos com nosso trabalho sendo muito bem feito. Lógico que o nosso trinador está muito ansioso, ele ainda não consegue fazer a parte técnica. Nesse momento, entendemos que não precisamos sair do Beira-Rio ainda. Temos toda a estrutura, os atletas estão voltando para as sua residências, é um ambiente tranquilo. Saindo teríamos que montar um outro protocolo para onde fossemos. Nesse momento, não está em especulação”, declarou o dirigente ao programa Café com Futebol nesta quarta-feira (1°).

Por conta de Porto Alegre seguir na classificação de bandeira vermelha – risco alto, os jogadores apenas podem realizar apenas treinos físicos individuais. Apesar da data do Campeonato Gaúcho não estar definida, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) já acenou com o dia 9 de agosto para o retorno do Campeonato Brasileiro. Diante disso, uma saída da capital gaúcha para a realização de trabalhos coletivos não é totalmente desconsiderada, apontou Herrmann: “O futuro é muito incerto, então eu não descarto nada.”

Casos positivos para a Covid-19

Nesta terça-feira, o clube informou que quatro jogadores foram diagnosticados com o novo coronavírus. Contudo, novas informações davam conta de que o número de jogadores aumentou, mas, o vice-presidente afirmou que não houve novos casos confirmados, momentaneamente.

“Testamos todos no clube e só quatro testaram positivo. O resto, é especulação. É um momento de poucas informações, muitas coisas circulam, mas são só quatro. Entendo a curiosidade das pessoas em saber os nomes dos infectados do clube, mas nós prezamos em preservar”, declarou Herrmann

Veja outras declarações do vice-presidente João Patrício Herrmann

Reposição para Gustavo?

“Estive no clube ontem e não se comenta em contratar reposição ao Gustavo.”

Promoção dos garotos da base

“É o momento de retomar a cultura de utilização da base. O clube vem há algum tempo mudando a maneira de ver o futebol. Temos uma fábrica de atletas muito interessante.”

Situação de D’Alessandro

“Não tenho conversado com ele. Está tudo aberto, não temos nem calendário definido para o ano que vem. Pela incerteza, estamos pensando muito no hoje apenas.”

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Em encontro com Bolsonaro, Inter e clubes com contrato com a Turner demonstram apoio às mudanças nos direitos de transmissão
De pênalti, Messi atinge marca dos 700 gols
Deixe seu comentário