Miguel Ángel Ramírez é apresentado oficialmente como novo técnico colorado

Técnico de 36 anos chega para um contrato de dois anos a frente da equipe colorada

Foto: Ricardo Duarte / S.C. Internacional

O novo técnico colorado foi oficialmente apresentado na tarde desta sexta-feira (05). Migue Ángel Ramírez recebeu as boas vindas do presidente Alessandro Barcellos, do vice de futebol João Patrício Herrmann e do executivo Paulo Bracks, no CT Parque Gigante, onde esteve durante a semana acompanhando os trabalhos e se adaptando ao novo clube. O espanhol de 36 anos chega com um contrato de dois anos e traz consigo três profissionais que compõem a comissão técnica.

De início, Ramírez fez questão de destacar sua satisfação em estar no Inter e fazer parte de um projeto que começa a ser implementado pela diretoria que assumiu o clube neste ano. “Me encanta estar em um clube com uma história muito grande e ganhadora. Porque ganhou muito e ganhou coisas que outros clubes muito grandes tentam e tentam, mas não conseguem ganhar. Me encanta muito o projeto […] Estamos convencidos de que a torcida colorada vai se sentir orgulhosa da equipe. Eu não entendo o futebol de outra forma que não um espetáculo”, disse o novo treinador.

“Vai ser um trabalho de equipe. Eu sou uma peça da engrenagem de uma equipe de trabalho que é o clube”, Miguel Ángel Ramírez. 

Ainda, o técnico confidenciou que foi procurado no período pré-eleitoral colorado, mas que as coisas se deram no tempo certo. As ideias apresentadas pelo então candidato à presidência, Alessando Barcellos, encantaram o espanhol: “Creio que o Inter chegou quando tinha que chegar. Às vezes não sabemos bem por que dois pontos têm que se encontrar. O clube pediu que não saísse antes do final da temporada. E foi um clube que me deu tudo. Fiquei até dezembro e depois perguntei se era possível ouvir propostas. O Inter chegou no tempo que tinha que chegar. Além do clube, me interessa muito as pessoas. Creio que o Inter tem as pessoas diferentes. Naturalmente, a grandeza deste clube e com as pessoas adequadas, tempo oportuno e o projeto”.

O trabalho se inicia na segunda-feira (08), quando o elenco principal se reapresenta após um período de férias. Segundo Miguel Ángel Ramírez, a adaptação se dará aos poucos, respeitando e entendendo a individualidade de cada jogador, para que se a aproveite ao máximo as características de cada um e, assim, se faça um bom trabalho.

“Há partes e partes, de ir nos acomodando, o plantel a nós e nós ao plantel. Não posso dar números, porque precisamos estar com eles e ver o que vivenciam, as respostas individuais. A partir disso, tomar decisões junto ao clube. Necessitamos de um tempo de entendimento comum. Precisamos saber quem é capaz de evoluir e se adaptar e quem não. Mas é um trabalho conjunto. Creio que é uma aventura juntos. E creio que assim vai funcionar. Começamos na próxima semana e avaliando certos comportamentos das resposta que têm para tomar decisões desse nível”, destacou.

Ao ser questionado sobre sua recepção e adaptação no Brasil e, mais especificamente, no Rio Grande do Sul, o novo técnico colorado contou um pouco sobre as suas origens e contou ter sido muito bem recebido por onde passou, esperando que o mesmo aconteça em Porto Alegre: “É normal no ser humano ter um lado obscuro neste sentido. Venho de uma ilha muito próxima da África, e cada dia chegam mais imigrantes em busca de refúgio. E lá há pessoas que acham que são donas dessa ilha só por terem nascido lá e negarem quem chega. Eu sou um migrante também e sempre me senti acolhido em cada país que estive. Mas também tentei me integrar a cada país que estive. No Catar, aprendi árabe, tentei comer o que comem, fazer o que fazem, entender a cultura. No Uruguai e no Equador foi a mesma coisa. Aqui será o mesmo. Às vezes há pessoas que acham que são donas de algum lugar”.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Porque Grêmio está em Atibaia antes de decidir a final da Copa do Brasil
Palmeiras x Grêmio, escalações, arbitragem, momentos e transmissão
Deixe seu comentário