Inter planeja ampliar benefícios aos sócios e faz apelo aos que possam manter a mensalidade

Foto: (Ricardo Duarte/S.C.Internacional)

O Inter segue analisando os impactos nas finanças, ainda que haja um cenário incerto sobre a paralisação das competições, em virtude do coronavírus. E, uma das principais receitas do time, o quadro social, também vem sendo alvo de estudos para que não haja perda significativa da renda que vem dos associados.

Momentaneamente, o vice-presidente de Administração Victor Grunberg, em entrevista à Rádio Grenal, nesta terça-feira (31), explicou que o clube não irá promover nenhuma medida com relação a possíveis descontos na mensalidade por não poder mensurar os impactos financeiros, neste atual cenário. Mas o clube irá investir em campanha para ampliar o clube de vantagens, que os torcedores associados têm direito.

“Não sabemos como vamos beneficiá-los (os sócios), pois não sabemos o tamanho da parada. Mas claro que estamos pensando no nosso associado. Estamos trabalhando para ele, para favorecer ele. Por enquanto, segue tudo igual, mas as alterações que vão ocorrer serão para ceder descontos e também outros vários benefícios aos nossos associados. O Clube de Vantagens será alterado. Logo vamos lançar campanhas e benefícios aos nosso sócios”, declarou Grunberg.

Com a situação de prejuízos sem a realização dos jogos, o vice-presidente também fez um apelo aos torcedores que possam manter o pagamento da mensalidade. O Quadro Social conta com mais de 120 mil colorados associados: “Fazemos, por enquanto, um apelo para que nossos sócios sigam pagando para ajudar o clube, mas isso, claro, para que os que possam. Sabemos que o momento é difícil.”

 

 

* Por supervisão de: Marjana Vargas

tags: Inter

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Grêmio tem 5° caso de Covid-19 em sua diretoria
VÍDEO: jogadores do Grêmio exaltam perfil do técnico Renato Portaluppi
Deixe seu comentário