Inter fica apenas no zero contra o Corinthians e perde a chance de ser tetra campeão brasileiro

Foto: Ricardo Duarte / S. C. Internacional

Na 38ª e última rodada do Campeonato Brasileiro 2020, o Inter recebeu o Corinthians, no Estádio Beira-Rio, e precisava vencer os paulistas para conquistar a competição. Ainda, ficava de olho em São Paulo, pois dependia de um tropeço do Flamengo para os colorados comemorarem o tetra.

 

1º TEMPO

O Inter começou a decisão em cima do seu adversário, mas o Corinthians tentava neutralizar o colorado. Aos 15 minutos de jogo Yuri Alberto foi lançado por Edenílson, mas o árbitro marcou impedimento. A partida se mostrava difícil, e os paulistas tiveram chance clara de gol aos 17 minutos em chute de Ramiro onde a bola passou perto da meta de Marcelo Lomba.

Como o previsto, os visitante queriam jogo. Afinal, um bom resultado assegurava os paulistas nas oitavas de final da Copa do Brasil 2021. Cantillo tomou o primeiro cartão amarelo do jogo, após carrinho perigoso em Caio Vidal. Ainda, foi apenas aos 24 minutos que o Inter teve a primeira boa chance, com Edenilson infiltrando na grande área e finalizando em cima do goleiro Cássio. Aos 29, o arqueiro corinthiano defendeu mais uma com facilidade, dessa vez na cabeçada de Victor Cuesta após escanteio batido.

Apenas um minuto depois, aos 30, em arrancada e entrando na área, Moisés tentou cruzar mas Ramiro após carrinho intercptou a bola com a mão. O pênalti foi marcado, entretanto, o árbitro Wilton Pereira Sampaio conferiu no monitor do VAR e acabou cancelando a penalidade. A partida, nervosa, continuava com o placar zerado.

Mais uma vez, o colorado teve boa chance aos 43, mas a bola foi acima do gol. A sorte não estava com o Inter, aos 44 Patrick fez grande jogada e tocou para Yuri Alberto dar um toquinho por cima de Cássio, mas jovem atacante estava impedido. Nesse momento, o São Paulo estava fazendo sua parte e vencendo o Flamengo por 1×0. O primeiro tempo no Beira-Rio terminou aos 56 minutos e dependia naquele momento, apenas do próprio Inter para sagrar-se campeão brasileiro.

 

2º TEMPO

Sabendo do resultado em São Paulo, o Inter começou em cima do Corinthians no ínicio do segundo tempo. Heitor cruzou para Edenilson aos quatro minutos e Cássio fez grande defesa. Simultâneamente, o Flamengo havia empatado sua partida. Mas a vitória colorada ainda colocaria o colorado como campeão.

Enquanto o Inter pressionava o Corinthians, o São Paulo marcava o segundo gol nos cariocas. Mas faltava o colorado fazer sua parte. A sorte continuava não querendo ajudar e Caio Vidal acertou a trave aos 18 minutos, após um chute de longe. Com isso, Abel Hernández e Thiago Galhardo foram chamados para ajudar as jogadas ofensivas.

O tempo já apontava os 29 minutos no marcador, e o Inter, nervoso, não conseguia concluir suas jogadas por erros no último passe. Tentava, martelava e não conseguia. Faltava melhorar para o Inter concluir suas jogadas com a bola no fundo das redes corinthianas. 45 minutos de jogo do segundo tempo, e Wilton Pereira Sampaio acrescentou sete minutos no tempo regulamentar.

Eram 51 minutos, em ótima jogada de Cuesta, cruzou na área e Edenilson empurrou para o fundo das redes. Mas mais uma vez foi assinalado o impedimento. Ainda, Lucas Ribeiro chutou por cima do gol aos 54 após bate-rebate na grande área. Não deu para o Inter, mesmo com o resultado positivo em São Pualo, parou nas defesas de Cássio e nos gols anulados. O placar em 0 x 0 deixou o colorado em segundo colocado com 70 pontos, um atrás do campeão Flamengo.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Confira todas as movimentações do pré-jogo de Inter x Corinthians
Gauchão: Clubes aguardam decisão do governo estadual para o início do campeonato
Deixe seu comentário