Inter e Bragantino ficam em 1 a 1 no Beira-Rio, em jogo atrasado pelo Campeonato Brasileiro

Inter empata com o Bragantino no Beira-Rio.

Foto: Ricardo Duarte / S.C. Internacional

Na noite desta quinta-feira (21), Internacional e Bragantino entraram em campo em partida atrasada da 19ª rodada do Brasileirão Série A. Jogando no Beira-Rio, o Colorado saiu na frente com Maurício, mas Bruninho deixou tudo igual no fim do jogo. O empate em 1 a 1 promoveu o time da Casa à 6ª colocação, enquanto que o Massa Bruta segue no 5° lugar.

Agora, as duas equipes voltam a campo no próximo final de semana.

No domingo (24), o Internacional recebe o Corinthians, às 16h. Enquanto isso, no mesmo dia, mas às 18h15, o Bragantino encara o São Paulo, em casa. Ambas as partidas são válidas pela 28ª rodada do Brasileirão Série A 2021.

O jogo

No primeiro tempo, o Bragantino até tentou chegar com perigo à meta rival. Aos seis minutos, Cuello finalizou fraco e mandou nas mãos de Marcelo Lomba. Aos 14, o time da casa respondeu com Kaíque Rocha, que cabeceou e parou na defesa de Cleiton.

Aos 15, o Internacional teve ótima chance. Após chute de Maurício e grande defesa de Cleiton, Taison ficou livre para marcar no rebote, mas mandou na trave. Porém, o árbitro já havia assinalado impedimento na jogada e o lance foi anualdo.

Ainda no campo de ataque, o Colorado chegou novamente com Maurício, que chutou firme e viu Cleiton fazer outra grande defesa. Aos 20, Hurtado arriscou finalização para o Bragantino e mandou perto do gol. Três minutos depois, Cuello apareceu de novo e parou na defesa de Lomba.

Após certo período sem lances de perigo, o Internacional voltou ao ataque e teve sucesso. Aos 38, Yuri Alberto recebeu bom cruzamento e passou na medida para Maurício, que bateu firme e colocou a bola no fundo das redes, marcando o primeiro gol da partida.

Já no segundo tempo, o Bragantino voltou com o objetivo de buscar o empate para se manter na frente do rival na tabela do Campeonato Brasileiro. Aos dez minutos, Helinho recebeu passe de Hurtado e finalizou para mais uma defesa de Marcelo Lomba.

Com o controle do jogo, o Internacional passou a apostar na velocidade dos atacantes para ampliar a vantagem em contra-ataque. Aos 19 minutos, Paulo Victor fez boa jogada, limpou dois marcadores, mas finalizou fraco e viu Cleiton fazer defesa tranquila.

Com dificuldades para chegar com perigo à meta rival, o Bragantino se arriscou na finalização de longa distância. Aos 26, Helinho tentou e mandou nas mãos de Marcelo Lomba. Aos 29, Zé Gabriel respondeu e quase ampliou a vantagem do Colorado.

Já na reta final do confronto, o Internacional encontrou dificuldades para evitar os ataques do time paulista. Aos 34, Aderlan invadiu a área e bateu cruzado na direção de Alerrandro, que se esticou todo, mas não alcançou e perdeu grande chance.

Com o esforço aplicado até o apito do juiz, o Bragantino, aos 49 minutos, empatou o jogo. Alerrandro avançou pelo lado esquerdo e cruzou rasteiro para Bruninho, que mandou para o fundo das redes e deixou tudo igual: 1 a 1 no Beira-Rio.

Ficha técnica

Inter: Marcelo Lomba; Saravia, Kaique Rocha, Cuesta e Moisés (Paulo Victor); Johnny, Rodrigo Lindoso (Zé Gabriel), Mauricio, Taison (Boschilia) e Patrick (Palacios); Yuri Alberto. Técnico: Diego Aguirre.

Bragantino: Cleiton; Aderlan, Fabrício Bruno, Léo Ortiz e Edimar; Eric Ramires, Emiliano Martínez (Luciano), Helinho, Pedrinho (Bruninho) e Tomás Cuello; Jan Hurtado (Alerrandro). Técnico: Maurício Barbieri.

Cartões amarelos: Bruno Méndez, Mauricio, Saravia (INT); Helinho, Maurício Barbieri (BRA).

Gols: Mauricio, aos 39 minutos do primeiro tempo (INT); Bruninho, aos 49 minutos do segundo tempo (BRA).

Arbitragem: Marielson Alves Silva (BA), assistido por Alessandro Alvaro Rocha de Matos (BA) e Elicarlos Franco de Oliveira (BA). O árbitro de vídeo é Emerson de Almeida Ferreira (MG).

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Ainda sem treinar normalmente, Borja faz atividades físicas e tem chance pequena de retornar contra o Atlético-GO
Aguirre projeta time contra o Corinthians e diz não saber sobre Bruno Méndez forçar o terceiro cartão amarelo
Deixe seu comentário