Guerrero completa um ano vestindo a camisa colorada

Foto: Ricardo Duarte/Internacional/Site Oficial

A contratação de Paolo Guerrero chegou ainda em 2018: no dia 8 de agosto. O jogador, que estava no Flamengo, disputou apenas 12 jogos, sete pelo clube carioca e cinco pela seleção peruana. Condenado a cumprir 14 meses de suspensão por doping no fim de 2017, Guerrero marcou apenas quatro gols naquela temporada. Em maio, o atleta conseguiu efeito suspensivo que foi revogado em agosto possibilitando apenas que o centroavante atuasse na Copa do Mundo.

Quase dez meses se passaram após a contratação do jogador. Até que, no dia 6 de abril de 2019, Guerrero foi a campo pela primeira vez e ajudou o Inter com seu primeiro gol. O jogo contra o Caxias, aconteceu no Beira-Rio, onde os donos da casa venceram os serranos pelo placar de 2 a 0 com um gol do centroavante. Resultado que deu a classificação à final do Gauchão de 2019. No dia 12 de maio, em partida contra o Cruzeiro, no Brasileirão, o camisa 9 marcou seu 100º gol vestindo a camisa de clubes brasileiros na vitória colorada sobre os mineiros pelo placar de 3 a 1 e também tornou-se o maior artilheiro estrangeiro em atividade do Brasileirão com 47 gols marcados.

“Recordo muito feliz desse jogo. Foi meu primeiro passo aqui no Inter e consegui estrear marcando um gol. Quero muito conquistar títulos aqui. Agradeço a direção, a comissão técnica e ao grupo por todo o apoio que recebo aqui. O carinho do torcedor também é importante, todos me receberam super bem e quero dar continuar a dar muitas alegrias para a nação colorada”, afirma Guerrero através da assessoria.

Aos 36 anos, o centroavante alcança marcas emblemáticas desde seus primeiros compromissos pelo Inter. Após marcar dois gols na vitória por 3 a 0 sobre a Universidad Católica, no Beira-Rio, ele se tornou o terceiro maior goleador do clube na história da Libertadores. Pelo Internacional são 49 jogos e 24 gols marcados, conquistou 25 vitórias, 12 empates e 12 derrotas. O peruano tem 59,19% de aproveitamento.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Estádio Beira-Rio completa 51 anos
Símbolos da história colorada se pronunciam sobre aniversário do Estádio Beira-Rio
Deixe seu comentário