No final, Grêmio deixa escapar a vitória contra o Atlético-MG


Por: Jonata, jornalista, radialista e repórter na @rdgrenal.

Grêmio e Atlético Mineiro se enfrentaram numa Arena com bom público e que teve que se contentar com mais um empate frustante do time de Roger Machado, com direito a gol no final da partida. O Tricolor empilhou chances de gol e poderia ter vencido os mineiros com facilidade, contudo não aproveitou, perdeu 2 pontos contra um adversário direto e viu o título ficar mais distante.

Primeiro Tempo

O Grêmio foi à campo buscando a vitória desde o início. Roger montava a equipe titular mantendo o formato que venceu o CAP na última quarta. Com os 3 volantes, o Tricolor conseguia manter um meio campo bem consistente, com marcação encaixada onde Maicon era quem guardava mais a posição e assim Walace e Jaílson ficavam com mais liberdade para chegar mais à frente, auxiliando os atacantes e inclusive finalizando à meta de Uilson.

Com boa presença ofensiva, o Grêmio se impôs na partida, mantendo boa posse de bola durante todo o primeiro tempo. As oportunidades apareciam, com Bolaños, Walace e Douglas, mas faltava mais capricho por parte dos finalizadores.

Sem Robinho, um de seus principais jogadores na temporada e com Pratto e Fred quase que isolados no ataque, o Atlético Mineiro quase não levou perigo ao gol de Marcelo Grohe. O defensor gremista pouco trabalhou, com algumas interceptações em bolas paradas do Galo.

 

Segundo Tempo

A segunda etapa veio e o Grêmio seguiu ofensivo, marcando alto e não deixando os mineiros saírem para o jogo. A pressão foi tanta que resultou no gol. Luan recebeu na entrada da área e emendou para o gol de Wilson. No meio do caminho a bola desviou na perna do zagueiro Leonardo Silva e enganou o goleiro Wilson, que apenas viu a bola morrer no fundo do gol.

Com o gol, o Tricolor diminuiu o ritmo a assim trouxe o CAM para o seu campo. O técnico Marcelo Oliveira também mexeu no time, colocando Robinho e reanimando o time mineiro. Com entrada do camisa 77, o Tricolor teve que se resguardar na defesa e assim os zagueiros tiveram que trabalhar mais. Kannemann seguiu seguro na defesa, em boa partida também de Walace Reis, Marcelo Oliveira e Edílson.

Mesmo com o jogo mais equilibrado, o Tricolor conseguia criar e levava perigo ao gol de Uilson. Mas o perigo estava em apenas uma bola. E ela puniu o time de Roger Machado. Aos 40′ em jogada pelo lado direito da defesa, o jogador do Galo cruzou e a bola passou por toda a extensão da área e encontrou Robinho livre entre os defensores gremista. O atacante alvinegro só teve trabalho de empurrar para o gol.

Com o empate, o Grêmio permanece na sexta posição e vê o líder Palmeiras se distanciar. A distância agora é de 7 pontos para os paulistas.

 

Dono da bola Coca-Cola: Luan

 

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 1 x 1 ATLÉTICO
Motivo:
 Campeonato Brasileiro
Data: 27/8/2016
Hora: 16h
Estádio: Arena do Grêmio
Cidade: Porto Alegre (RS)
Gols: Luan (7′ – 2T), Robinho (41′ – 2T)
Árbitro: Claudio Francisco Lima E. Silva (ESP/SE) 
Auxiliares:
 Ailton Farias da Silva (CBF-2/SE) e Daniel Vidal Pimentel (CBF-2/SE)
Cartões amarelos: Leonardo Silva, Lucas Cândido, Rafael Carioca, Fred (Atlético); Wallace Reis, Walace, Bolaños, Kannemann (Grêmio)

Comentários