Roger diz que não houve proposta oficial do Corinthians

Foto: Lucas Uebel/Grêmio
Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Fato que tem chamado a atenção, ainda que negativa, no time do Grêmio, o elevado número de gols de bola aérea continua a ser o principal problema do tricolor na temporada. Em entrevista coletiva após o treino desta tarde, o técnico Roger Machado

” Com relação as bolas paradas que tem sido um fato recorrente, tanto com relação a esse assunto na coletiva, quanto a minha procura para a solução desse problema. O fato é que mesmo com o número expressivo de gols e de problemas de bola parada eles não são iguais sempre, acontecem por causas diferentes. E na busca por essa solução a gente trabalha e procura por alternativas. Com a troca de função entre os jogadores ou no posicionamento a gente procura sempre trabalhar”, disse o treinador.

E na última semana, após o anúncio de Tite no comando da seleção Brasileira, Roger passou a ser especulado no comando do Corinthians. O comandante falou sobre a procura dos representantes paulistas.

”O que aconteceu de fato foi apenas uma consulta informal que foi direcionada ao meu agente e não foi levada adiante. (…) Não houve um contato direto comigo e nem uma proposta oficial do Corinthians”, salientou Roger.

Confira a entrevista completa:

Voltar Todas de Brasileiro

Compartilhe esta notícia:

Inter faz treino regenerativo e titulares ficam na academia
Pezinho no chão para manter a liderança na mão
Deixe seu comentário