Barcellos fala em reformulação do elenco e situação de Aguirre: “Definir isso de uma vez”

Alessandro Barcellos falou em entrevista coletiva após a derrota diante do Bragantino por 1 a 0, no estádio Nabi Abi Chedid

Foto: (Ricardo Duarte/S.C.Internacional)

Após a derrota por 1 a 0 para o Bragantino em Bragança Paulista, o Inter terminou seu Campeonato Brasileiro 2021 na 12ª colocação sem conseguir a vaga na Copa Libertadores da América. Com a classificação para a Sul-Americana, o presidente colorado, Alessandro Barcellos, falou em entrevista coletiva depois do confronto.

Avaliando o ano colorado, desportivamente falando Alessandro comentou ser ruim, já que o clube não atingiu seus objetivos. O presidente destacou que o trabalho da diretoria foi para algo maior que o resultado final, porém, ressaltou ser fundamental continuar com o que já foi realizado. “Sigamos trabalhando com os pilares que apresentamos como fundamentais, a valorização das categorias de base, a reformulação do plantel com uma condição de pré-temporada e criar expectativas diferentes para 2022”.

Um dos acontecimentos que rondam o ambiente colorado é a permanência, ou não, do seu treinador. “Essa é uma questão que vamos conversas no próximo período. O Aguirre sofreu fortemente a condição de estar na Seleção Uruguaia e a gente precisa definir isso de uma vez por todas para trabalhar o planejamento de 2022”, comentou Barcellos. Nos próximos dias, o presidente colorado garantiu que terá essa conversa com o técnico uruguaio e comunicará a decisão para a torcida colorada.

Além de uma provável mudança na casamata, o presidente também comentou sobre prováveis alterações no elenco. “Não vou fazer avaliações individuais, temos isso internamente, digo isso ao torcedor. Todos nós tivemos uma parcela de responsabilidade nisso. Mas a maior é a da direção, asssumimos isso”. O presidente ressaltou que a correção do rumo colorado para por estas reformulações de elenco de “de mudança por aspecto tático, anímico, e o que se passa no campo”. “Pode ter certeza, aquilo que o torcedor enxerga nós enxergamos”, completou.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Aguirre avalia seu trabalho no Inter sem vaga na Libertadores: “Não teve um final feliz”
Edenilson é eleito o melhor volante do Brasileirão pelo Prêmio Bola de Prata
Deixe seu comentário