Após ano contestável de Lomba, Daniel assume lugar no gol colorado e toma confiança da torcida

Os dois goleiros foram os principais nomes na disputa por uma vaga na meta colorada em 2021

Foto: (Ricardo Duarte/S.C.Internacional)

Posição disputada desde o início da temporada de 2021, e diretamente passando pelas atuações contestáveis de Marcelo Lomba ao longo do último ano, Daniel assumiu a vaga na meta do Inter e tomou o destaque além da confiança da torcida colorada. Conforme números apontam, o desemepenho do arqueiro de 27 anos é mais positivo nas primeiras 17 partidas de cada um no ano.

Marcelo Lomba iniciou a temporada como titular na goleira do clube gaúcho. Na ocasião, o então técnico colorado, Miguel Ángel Ramirez, testava aos poucos Daniel, que nas suas primeiras oportunidades de destacou em defesas difíceis, porém, deixou dúvidas ao falhar em lances tidos como fáceis. Ao longo de 2021, a figura na meta do clube mudou.

Um fator que chama a atenção é em relação aos números de gols sofridos. Daniel, que até aqui, esteve presente em 26 partidas, levou 22 gols. Enquanto Marcelo Lomba, em 16 jogos, sofreu 20 tentos adversários. O novo arqueiro também destaca-se pelo alto número de defesas no Campeonato Brasileiro. Nas primeiras 17 partidas, Daniel defendeu 58 vezes. Número que, em comparação aos primeiros 17 confrontos de Lomba na competição nacional, se configura mais relevante. O arqueiro de 34 anos havia interceptado 29 bolas.

Confira as estatísticas totais:

Daniel no Brasileirão 2021 X Lomba no Brasileirão 2020

Primeiros 17 jogos:

Defesas: 58 – 29
Defesas difíceis: 14 – 8
Bolas defendidas: 79% – 69%
Gols sofridos: 15 – 13
Jogos sem sofrer gols: 7 – 8
Erros defensivos graves: 1 – 2
Notas: 7.20 – 6.81

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Após 743 dias sem atuar, Léo Gomes retorna aos gramados e recebe elogios de técnico da transição do Grêmio
Taison inicia transição física e pode reforçar o Inter diante do Fortaleza
Deixe seu comentário