”Apenas para o três jogos”: Na sua apresentação, Lisca não confirma continuidade no Inter


Por: Jonata, jornalista, radialista e repórter na @rdgrenal.

O quarto técnico do ano no Internacional. Após Argel, Falcão e Roth esquentarem o banco de reservas, a direção optou por investir em outro comandante para salvar o ano. Luiz Carlos Cirne Lima de Lorenzi, o Lisca, será o técnico do Inter para os últimos três jogos do campeonato. 

Fernando Carvalho abriu a coletiva de apresentação ao lado de Lisca. O presidente Vitório Píffero atrasou-se alguns minutos em razão do trânsito, segundo ele. O novo treinador se mostrou confiante para tirar o Inter dessa terrível situação e não ficará para o próximo ano. Será apenas os 3 jogos finais.

Veja os principais pontos da coletiva:

  • Momento do clube

”É um momento difícil. Vejo uma responsabilidade muito grande para mim. Vamos trabalhar para tirar o Inter dessa situação e permanecer na serie A. Eu não para ser herói. O futebol se trabalha em conjunto. É um desafio muito grande e uma honra muito grande num momento difícil”.

  • Trabalho a curto prazo

”Para esse jogo contra o Corinthians, o nosso tempo é bem escasso. Hoje já vou fazer um trabalho com o pessoal que não jogou e vou conseguir já pra esse jogo, colocar alguns pensamentos, alguns princípios. Com a inteligência dos jogadores, acredito que poderemos trabalhar. E para o jogo contra o Cruzeiro, teremos um pouco mais de tempo. A gente pode trabalhar, não podemos ficar lamentando tempo”.

  • Situação pode ser revertida

”Pela situação que se apresenta na tabela, temos a mesma situação que o Vitória. Eu vejo a possibilidade na nossa mão, depende apenas da gente. Nós temos um grupo qualificado, temos boas opções. Agora teremos uma nova filosofia e uma nova maneira de trabalho. Sempre quando chega um treinador a conta é zerada e vamos partir do principio de tudo. Gostaria de pedir ao torcedor que continuasse nos apoiando.

  • Continuidade no Internacional:

”Viemos aqui para fazer os 3 jogos. Dificilmente serei o treinador no ano que vem. Mesmo que der certo, acho que não é bom ter a continuidade. Agora existe um processo eleitoral, os dois candidatos são meus amigos. O meu objetivo são essas 3 partidas, sem pretensão de ter sequencia no ano que vem. ”Estou feliz por essa oportunidade que estou tendo. São por 3 jogos, mas darei minha vida por esses três jogos.

Acompanhe a entrevista coletiva completa:

 

Comentários