Aguirre avalia seu trabalho no Inter sem vaga na Libertadores: “Não teve um final feliz”

Diego Aguirre falou em entrevista coletiva após a derrota diante do Bragantino por 1 a 0, no estádio Nabi Abi Chedid

Foto: (Ricardo Duarte/S.C.Internacional)

O Inter terminou a péssima participação no Campeonato Brasileiro 2021 com um modesto 12º lugar na tabela de classificação. Sem vencer há seis partidas, o colorado acabou perdendo por 1 a 0 para o Bragantino na última rodada. Após a partida, o técnico Diego Aguirre falou em entrevista coletiva.

Diante dos paulista, a probabilidade do treinador uruguaio ter feito sua última partida no comando técnico do Inter são altas. Apesar do fato, Aguirre comentou sobre algumas projeções relacionadas a 2022: “Não podemos esquecer que tem um momento de dificuldade econômica para reforçar o time. Obviamente que o Inter tem que pensar não só na reformulação, mas tem que trazer mais jogadores para competir”.

Aguirre também negou qualquer contato com a Seleção Uruguaia sobre um possível cargo de técnico: “Prefiro não falar disso pois ainda nada aconteceu, tenho que deixar que passe os dias e então falar com mais tranquilidade com o inter e o presidente”. E negou ter qualquer contato com a AUF para se reunir em breve: “Não tive, mas são coisas que podem acontecer nos próximos dias mas ainda não tive nenhum contato”.

Avaliando seu trabalho nesta segunda passagem no programa, Aguirre destacou: “Nós fizemos um bom trabalho, mas faltaram alguns resultados. Voltei para o Inter em um momento de reestruturação, em um ano com bastante dificuldades”. Porém, sem conseguir a vaga para Libertadores, o treinador lamentou: “O que acontece no futebol é que quando não se ganha obviamente não teve um final feliz”.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Mancini reitera sentimento de permanecer no Grêmio: “É óbvio que eu fico, eu quero ficar”
Barcellos fala em reformulação do elenco e situação de Aguirre: “Definir isso de uma vez”
Deixe seu comentário