Pepê se apresenta ao Grêmio com otimismo e vontade de atuar

Ao lado do diretor de futebol Antônio Brum (esquerda) e o vice-presidente de futebol Paulo Caleffi (direita), Pepê (meio) se apresenta ao Grêmio

Foto: Lucas Uebel / Grêmio F.B.P.A

Após intensa negociação, o meio-campista Pepê finalmente chegou a Porto Alegre. Vindo do Cuiabá, o jogador se apresentou oficialmente ao Grêmio nesta quinta-feira (15), concedendo entrevista coletiva à imprensa. Na apresentação, ele demonstrou muito entusiasmo em ter a oportunidade de jogar no tricolor.

Ao ser perguntado sobre a posição que se sente mais confortável em jogar, ele destacou que se sente como um segundo volante. “Na base do Flamengo, eu joguei praticamente o tempo inteiro de meia. Na transição para o profissional, entendi que jogava muito melhor como segundo volante, e é a posição que eu mais gosto de jogar”, disse Pepê.

Durante a conversa com os jornalistas, ele destacou seu desejo de trabalhar com Renato Portaluppi: “Sempre tive o desejo de trabalhar com o Renato, e isso fez muita diferença na decisão que eu tomei, a de vir pra cá. Sei como ele é bom, nunca trabalhei com ele, mas agora terei a oportunidade. Com certeza isso, além do desejo de atuar pelo Grêmio, foi determinante para que eu pudesse vir pra cá”.

Por fim, o novo reforço tricolor comentou sobre a atual fase de sua carreira, demonstrando muito otimismo: “Cheguei aqui muito motivado, na fase mais experiente na minha carreira, por mais que eu seja novo, só com 24 anos. Vim de 2 anos consistentes no Cuiabá, conseguimos manter o time na elite do futebol, o que é muito difícil para um time que acabou de subir. Graças a Deus, hoje estou no Grêmio, um clube gigantesco, um dos maiores do Brasil e do mundo. Tô muito feliz e não quero parar por aqui’.

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Lucas Leiva ficará até 3 meses afastado dos treinos do Grêmio por problemas cardíacos
Grêmio anuncia a contratação de Gustavinho
Deixe seu comentário

No Ar: Grenal FC