“Eu queria ver se fosse um treinador estrangeiro fazendo o trabalho que estou aqui no Grêmio”. Disse Renato Portaluppi em entrevista coletiva

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA
RS - FUTEBOL/ TREINO GREMIO 2023 - ESPORTES - Jogadores do Gremio realizam treino técnico durante a manha desta sexta-feira, no CT Luiz Carvalho, na preparação para a partida valida pelo Campeonato Brasileiro 2023. FOTO: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

Nesta sexta-feira (02), o técnico Tricolor Renato Portaluppi, concedeu entrevista coletiva após o treinamento gremista nesta manhã. Veja o que disse o treinador do Grêmio:

Renato Portaluppi sobre o esquema com três zagueiros

“É um esquema que vem funcionando, mas não quer dizer que seja algo definitivo. Eu reinventei o Grêmio, posso dizer. Colocando o Cuiabano mais por dentro, pela necessidade de velocidade. O importante são os resultados.”

“O sistema com três zagueiros nem sempre é defensivo. Em 2013, com três volantes e três zagueiros, era sim defensivo, mas depende do treinador. Não adianta ter um atacante a mais que não contribui ou está em má fase.”

“Sempre fui um treinador ofensivo, mas, quando tenho as peças, busco o equilíbrio. Abel joga sem centroavante no palmeiras, mas ele tem as peças. Queria eu ter estas opções para montar. O plantel é importante. Não estou me queixando Do meu plantel, mas ele tem um repertório ofensivo com mais velocidade. Pode apostar que se o Grêmio tivesse estas opções, não jogaríamos com três zagueiros.”

Renato Portaluppi sobre seu trabalho

“Eu queria ver se fosse um treinador estrangeiro fazendo o trabalho que estou aqui no Grêmio. Ele ganharia um estátua. No meu caso, parece que é normal o que estou fazendo.”

“Quem fala que sabe tudo, não sabe nada. Sempre aprendemos algo, apesar da idade. Tem sido um ano especial. Muita gente não reconhece o trabalho que faço aqui.”

Renato Portaluppi sobre Michael

“Tenho conversado com o presidente diariamente. Ele é um sonho nosso, mas ele vir para cá é outra história. Converso com ele várias vezes. Ele seria o diferencial, mas tem a situação financeira do clube.”

“Alguém vai chegar para esta posição (extrema). Se é o Michael? Não sei. Quem sabe o presidente não me surpreende e traz dois.”

“Ele é chatinho. As vezes me liga de madrugada dizendo que não tem nada pra fazer e precisa conversar. Já fazia isso com ele no Flamengo. Ele diz que quer jogar aqui, mas agora é com o presidente.”

Renato Portaluppi sobre Suárez

“Ele tem algumas dores musculares. Vamos esperar mais 24h e torcer pela recuperação dele, porque é um jogador importante. Caso não jogue, o substituto (Galdino ou Vina) vai depender da exigência do jogo.”

Renato Portaluppi sobre Diego Souza

“Ele tem mais 1 mês de contrato. Ele tem os próprios horários. Hoje que ele participou com o grupo. Ele não nos procurou e nem o clube procurou ele. Eu gosto muito dele, principalmente quando está magrinho.”

Renato Portaluppi sobre a partida contra o São Paulo

“Vejo quase todos os jogos do futebol brasileiro. Sei as qualidades e as fraquezas do São Paulo. Estamos preparados. Eles tiveram dificuldades com o Sport. Isso prova que todo jogo é difícil.”

 

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Renato exalta Suárez após classificação contra Cruzeiro na Copa do Brasil
Grêmio x São Paulo: Momento, escalações, transmissão e arbitragem
Deixe seu comentário

No Ar: Grenal FC