Em sua estreia no Brasileirão, Grêmio perde por 2 a 1 para o Vasco no Rio de Janeiro

Foto: Divulgação/Grêmio

O Vasco venceu o Grêmio por 2 a 1 na tarde deste domingo (14), no estádio São Januário, no Rio de Janeiro, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols do time carioca foram marcados por David e Mateus Carvalho. Gustavo Martins descontou para o Tricolor.

O time da casa começou o jogo buscando o ataque. Aos 2 minutos, pela direita, Rossi cruzou na área, Vegetti dominou, mas Rodrigo Ely travou a finalização e afastou o perigo.

Aos 13 minutos, Kannemann foi substituído por Gustavo Martins devido a uma lesão na cabeça. O zagueiro se machucou após um encontrão com Mateus Carvalho.

Aos 14, David fez um lindo passe para Rossi, que entrou na área, cortou para a direita, driblando Gustavo Martins, e caiu. O árbitro Flávio Rodrigues de Souza marcou pênalti, mas, após ser acionado pelo VAR para revisar o lance, ele anulou a marcação e deu cartão amarelo para Rossi por simulação.

Dez minutos depois, o time da casa abriu o placar, quando Rossi fez um cruzamento e Marchesín rebateu para o meio da área. No rebote, David pegou de primeira. A bola desviou no zagueiro do Grêmio e foi para o fundo das redes.

Aos 28 minutos, o Grêmio respondeu com Soteldo, que recebeu um passe de Cristaldo, mas acabou travado por Paulo Henrique na hora do chute. Aos 30, João Pedro recebeu na ponta direita e cruzou na área, mas ninguém apareceu para finalizar. A bola saiu pela linha lateral.

Aos 36, em uma cobrança de escanteio, o Vasco ampliou a vantagem com Mateus Carvalho, que chutou de primeira na grande área. Na comemoração, ele se emocionou ao fazer o primeiro gol como profissional.

Aos 42, o árbitro foi chamado para revisar possível pênalti para o Grêmio no toque de braço de Lucas Piton. Nada foi marcado, o que gerou reclamações do técnico Renato Portaluppi, que foi conversar com o juiz após o apito final da primeira etapa.

Segundo tempo

O Grêmio começou o segundo tempo no ataque. Com 1 minuto de bola rolando, Pavón achou João Pedro nas costas da defesa. Ele entrou sozinho na área, mas bateu cruzado para fora. Foi a melhor chance do Grêmio na partida até aquele momento.

Aos 3 minutos, o Vasco respondeu. Rossi cruzou na área, e Vegetti finalizou no canto, de cabeça. Marchesín se esticou e espalmou, fazendo uma grande defesa.

Aos 14, em uma boa trama do Tricolor, João Pedro rolou para Nathan Fernandes, que bateu cruzado para fora.

O Grêmio descontou aos 22 minutos. Em cobrança curta de escanteio, Cristaldo deixou para Cuiabano, que fez o cruzamento na área. Ninguém do Vasco tirou, e Gustavo Martins apareceu sozinho para marcar o gol.

Aos 26, David disparou pela esquerda, cruzou na área, mas Rayan cabeceou para fora. Quatro minutos depois, o Vasco quase ampliou a vantagem. Zé Guilherme perdeu a bola para Rayan, que avançou e bateu rasteiro, com perigo. A bola foi para fora.

Aos 34, mais uma finalização vascaína. Depois que Vegetti foi desarmado por Ely, Rayan ficou com a bola, ajeitou para o pé esquerdo e finalizou por cima do gol do Grêmio.

No minuto seguinte, em um contra-ataque do Vasco, Vegetti disparou em direção ao gol, ficando cara a cara com Marchesín. Gustavo Martins fez um corte providencial, mandando a bola para escanteio e salvando o Grêmio.

Aos 39 minutos, Gustavo Nunes passou para Nathan Fernandes, que ajeitou para o pé esquerdo e finalizou fraco. Léo Jardim fez a defesa sem dar rebote.

O Grêmio seguiu pressionando o adversário nos minutos finais da partida, mas não conseguiu igualar o placar e começou o campeonato nacional com derrota.

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Grêmio sofre segunda derrota seguida na Libertadores e Renato justifica mudanças: “Sofremos na parte física”
Na Arena, Grêmio derrota o Athletico-PR e conquista a primeira vitória no Campeonato Brasileiro
Deixe seu comentário

No Ar: Toque Direto