Volante artilheiro: Lindoso diz estar feliz com gol, mas reforça que vitória é sempre coletiva


Por: Diogo Rossi, comunicador na @rdgrenal

*Por Bárbara Assmann

 

Volante do Internacional, Rodrigo Lindoso vem mostrando qualidade em suas atuações na equipe. No Campeonato Brasileiro, ele tem o mesmo número de gols do centroavante Paolo Guerrero: os dois somam 3 cada. No último jogo, ele fez o gol da vitória colorada, importantíssima para a torcida, comissão técnica e jogadores voltarem a ter confiança no time.

Em coletiva na tarde desta segunda-feira (23), Lindoso falou sobre suas características: ele afirma que gosta de estar na área e que já jogou como meia. “Minha função de origem é meia, com alguns treinadores eu variava entre meia e volante”, comentou. Sobre os gols? Ele garante querer sempre ajudar a equipe. “Sempre gostei de pisar na área e estar perto do gol, porque ali que acontecem as coisas boas. Acabou que sempre fui feliz nos clubes que passei”.

Sobre o gol, ele afirma ter ficado feliz, mas ressalta que independentemente de quem o fez, a conquista é coletiva, principalmente pelo momento que o time vive. “A retomada era importante com a vitória. A semana foi bastante importante, bastante conversa para mudar a chave”, disse, relembrando a perda do título da Copa do Brasil para o Athletico-PR.

Mas essa fase já passou. Agora, o que resta é o Brasileirão. Porém, o próximo adversário também não traz boas lembranças: o Flamengo. Lindoso disse que Odair já começará a conversar com o time sobre as estratégias para criar, já que a vitória no Rio de Janeiro é importante para tentar colar no líder, que é o time carioca. “Podemos dar uma encostada neles, tem tudo para ser um grande jogo, temos totais condições de chegar lá e fazer um bom resultado”, garantiu.

O Internacional enfrenta o Flamengo nesta quarta-feira (25), no Maracanã, às 21h30.

(Foto: Ricardo Duarte/SC Internacional)

 

*Estagiária sob supervisão de Marjana Vargas

Comentários

>