Torcida gremista protesta na Arena após derrota na Libertadores

Foto: Reprodução / Internet

Em sua chegada a Porto Alegre na tarde desta quinta-feira (17), a delegação do Grêmio foi alvo de protestos da torcida. Um grupo de cerca de 50 torcedores se reuniram em frente ao Portão 6 da Arena com faixas e gritos de cobrança à equipe após a derrota por 2 a 0 para a Universidad Católica no Chile, na noite de quarta, pela Libertadores.

Tudo indica que os gremistas combinaram a mobilização pelas redes sociais, logo após a partida. O desembarque da delegação no aeroporto Salgado Filho, foi acompanhado por escolta da Brigada Militar, mas não houve protesto.

Na Arena, os torcedores receberam o ônibus levou os jogadores, comissão técnica e dirigentes após o voo. Os protestos foram acompanhados de faixas com os dizeres: “Time sem vontade” e “Cadê o futebol do Grêmio?”, além de gritos chamando os torcedores de “sem vergonha”.

Mesmo com a derrota no meio da semana, o tricolor manteve o segundo lugar do Grupo E da Libertadores com quatro pontos,  três atrás do líder Inter.

Neste domingo (20), o Grêmio recebe o Palmeiras na Arena, a partir das 16h, pela 11ª rodada do Brasileirão. Na competição nacional, é 13º colocado com 12 pontos.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Após derrota tricolor na Libertadores, Thiago Neves faz provocação no Twitter
Pressionado por resultados, Renato completa quatro anos a frente do Grêmio
Deixe seu comentário