“Temos que fazer uma autocrítica”, desabafa Kannemann sobre eliminação na Libertadores

Com a derrota, Grêmio não avança para a fase de grupos da Libertadores

Foto: Lucas Uebe / Grêmio FBPA
RS - FUTEBOL/CONMEBOL LIBERTADORES 2021 /GREMIO X INDEPENDIENTE DEL VALLE - ESPORTES - Lance da partida entre Gremio e Independiente Del Valle disputada na noite desta quarta-feira, na Arena do Gremio, valida pela Libertadores 2021. FOTO: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

Após a derrota por 2 a 1 para o Independiente del Valle, na Arena, na noite desta quarta-feira (15), e, conquentemente, a eliminação na Libertadores, o zagueiro gremista Kannemann foi um dos responsáveis por explicar os acontecimentos que acabaram deixando o Grêmio fora da fase de grupos da competição.

Kannemann, que fez a sua primeira partida na temporada após um período se recuperando de lesão, lamentou as chances perdidas pelo tricolor, incluindo a derrota também por 2 a 1 no jogo de ida, no Paraguai. Nas duas  oportunidades, a equipe gremista saiu na frente e acabou assisntindo a virada do adversário.

Tivemos três ou quatro chances claras no primeiro tempo. Não conseguimos. Se tivéssemos feito, seria outra história. Lá aconteceu o mesmo, teve gol mal anulado. Mas temos que olhar para dentro, porque fizemos um primeiro tempo muito bom, mas cedemos o empate no finalzinho. No segundo tempo, perdemos a cabeça. Tem que olhar para dentro para corrigir isso“, explicou o zagueiro.

A derrota na noite de ontem contou com a expulsão do experiente e capitão da equipe Maicon, após um primeiro cartão amarelo por reclamação e o segundo por uma falta. Segundo Kannemann, o resultado do jogo precisa ser repensado não só com os jogadores mais jovens, mas com também com os mais experientes.

“Claramente um golpe forte, mas temos a Sul-Americana que começa semana que vem, na sexta já temos outro jogo. E bola para frente. Ninguém está feliz com isso. Acontece dos jogadores experientes. O Cortez, Maicon e eu. Por aí pode ser um ponto a corrigir, a mentalidade, não só dos experientes, mas de todo time. Temos que fazer uma autocrítica“, desabafou.

Com a eliminação, o Grêmio jogará a Copa Sul-Americana, integrando o grupo H com Lanús, da Argentina, La Equidad, da Colômbia, e Araguas, da Venezuela. No entanto, antes da primeria partida pela competição, o tricolor entra em campo contra o Caxias, nesta sexta-feira (16), às 20h, no Estádio Centenário.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

De virada, Grêmio perde para o Independiente Del Valle e é eliminado da Libertadores
Cláudio Oderich comenta possível saída de Renato: “Avaliar o que é melhor para o Grêmio”
Deixe seu comentário