Semana cheia: depois de cinco meses, Grêmio volta a ter quatro dias para treinar

Elenco gremista está tendo quatro dias para se preparar para o confronto contra o Palmeiras

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Após cinco meses, o Grêmio finalmente terá uma semana cheia para treinar. O elenco do técnico Renato Portaluppi está tendo quatro dias para se preparar para o confronto contra o Palmeiras, na sexta-feira (15), no Allianz Parque, pela 30ª rodada do Brasileirão. O último confronto foi no sábado (9), contra o Fortaleza, pela rodada anterior do campeonato nacional. No domingo (10), os jogadores receberam folga e se representaram nesta segunda-feira (11). Esta é primeira vez, desde a retomada do futebol no país, que os jogadores e o técnico têm quatro dias livres para trabalhar. O elenco até teve quatro dias livres no final do ano, mas ganhou folga.

Desde que o futebol voltou após a parada por conta da Covid-19, e o calendário de jogos precisou ser revisado, o tricolor não teve mais que três dias livres para treinar. Tudo começou no Grenal em que venceu por 1 a 0, 4ª rodada do segundo turno do Gauchão. Depois disso, entre Brasileirão, Copa do Brasil e Libertadores, foram cinco meses e 20 dias em uma sequência de jogos a cada três o quatro dias, impedindo uma semana cheia de treino. Foram 49 partidas, com 24 vitórias, 19 empates e seis derrotas.

A partida contra o Palmeira nesta sexta-feira (15), acontece no Allianz Parque, às 21h30, e vale como confronto direto pela parte de cima da tabela. O tricolor é o quinto colocado, com 49 pontos, e o Verdão é o sexto com 47.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Geromel segue em fase final de recuperação, mas fica de fora do treino com o grupo
Kannemann pede competitividade até o fim e projeta partida contra o Palmeiras: ”Vamos tentar fazer o nosso jogo”
Deixe seu comentário