Sem dificuldades, Grêmio faz 6 a 1 no Ayacucho e fica perto da classificação na Pré-Libertadores

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

O Grêmio não tomou conhecimento do peruano Ayacucho na Arena do Grêmio, pelo jogo de ida da segunda fase da Pré-Libertadores e aplicou um elástico 6 a 1. Os gols gremistas foram anotados por Diego Souza (3x), Ferreira, David Braz e Guilherme Azevedo. O gol do Ayacucho foi de Quina.

Primeiro Tempo

O primeiro tempo, assim como a partida toda, foi tranquilo para o tricolor. Logo aos 3 minutos, Maicon encontrou Pinares na área, o chileno ajeitou na saída do goleiro Cavallotti e David Braz empurrou para o gol vazio. E depois de abrir o placar seguiu só dando Grêmio na partida. O tricolor seguia empilhando chances e incomodando o adversário, quando aos 17, Ferreira recebeu em profundidade de Pinares, avançou sem marcação, driblou o goleiro Cavallotti e fez o segundo gol gremista. Aos 32, em um pênalti marcado em jogada de Ferreira e Alisson, Diego Souza marcou seu primeiro gol na temporada de 2021. Oito minutos depois, em um belo “sem pulo”, Diego fez o seu segundo na partida e o quarto do Grêmio.

 

Segundo Tempo

Mesmo com a equipe comandada por Renato Portaluppi não criando inúmeras oportunidades, o jogo esteve sob controle do Grêmio durante grande parte da segunda etapa. Mesmo assim, em um descuido da defesa e do goleiro Vanderlei, aos 27 minutos, o Ayacucho descontou com Quina, sendo o primeiro gol da equipe peruana na história da Copa Libertadores. Mas logo depois, aos 33, Guilherme Azevedo bateu forte na entrada da área no canto direito do goleiro, fazendo o quinto gol gremista. Sete minutos depois, mais um de Diego Souza, terceiro dele na partida e sexto tricolor.

O jogo de volta contra os peruanos ocorrerá na próxima quarta-feira, em Quito no Equador. O Grêmio pode perder por um placar de até 4 gols de diferença que se classificará para a próxima fase da Pré-Libertadores.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Grêmio x Ayacucho, escalações, arbitragem, momentos e transmissão
Após resultado elástico e classificação quase garantida, Renato fala: “Não se pode brincar”
Deixe seu comentário