Rosario Central tem histórico ruim contra brasileiros na Libertadores


Por: Jonata, jornalista, radialista e repórter na @rdgrenal.

As oitavas de final da Copa Libertadores já estão definidas. Os brasileiros terão confrontos difíceis contra argentinos, uruguaios e mexicanos. O Grêmio enfrentará o Club Atlético Rosario Central, da cidade de Rosário, província argentina de Santa Fé.

Sem muita tradição no cenário internacional, o Rosario Central é um time mais famoso pela sua torcida e estádio, – Gigante de Arroyito, do que pelas conquistas. Com apenas 4 títulos argentinos em quase um século, o último há quase 30 anos, o clube teve seu auge na conquista da Taça Conmebol de 1995 contra o Atlético Mineiro e não possue nenhuma conquista da Libertadores.  O Rosario Central disputou 81 jogos na história da competição continetal. Foram 38 vitórias, 20 empates e 23 derrotas. Esta é a 11ª participação do clube.

Contra brasileiros na Libertadores, o retrospecto do time do técnico Eduardo Couted  não empolga. Fora de casa, O Rosario fez 6 jogos contra brasileiros, perdeu cinco e empatou apenas um.

  • 1975 – Cruzeiro 2×0
  • 2000 – Corinthians 3×2 (Rosario perdeu nos pênaltis)
  • 2004 – Coritiba 2×0
  • 2004 – São Paulo 2×1 (Rosario perdeu nos pênaltis)
  • 2006 – Palmeiras 0x0
  • 2016 – Palmeiras 2×0

Comentários