Renato tem aproveitamento positivo à frente do Grêmio em suas passagens


Por: Jonata, jornalista, radialista e repórter na @rdgrenal.

Renato comandará o Grêmio como treinador pela terceira vez na carreira – as duas anteriores foram em 2010 e 2013. A Rádio Grenal buscou as estatísticas das duas passagens do ídolo gremista enquanto esteve à frente do Tricolor nas duas oportunidades. Confira

Portaluppi retornou ao Grêmio, como treinador, em agosto de 2010, após dirigir o Bahia. Conseguiu bons resultados logo que chegou ao Olímpico, levando o Tricolor à Libertadores 2011. No entanto, os fracassos no torneio continental e Campeonato Gaúcho enfraqueceram o comandante, que se desligou do clube em 30 de junho daquele ano.

Números de Renato no Grêmio em 2010-2011:

Geral:

11 meses à frente:
66 jogos
34 vitórias
16 empates
16 derrotas
59,6% de aproveitamento.

Retornou ao Grêmio em 1º de julho de 2013, após a equipe gaúcha ter demitido do cargo Vanderlei Luxemburgo. Levou o Grêmio à Libertadores da América, mas foi demitido e substituído pelo técnico Enderson Moreira.

Números de Renato no Grêmio em 2013:

Geral

5 meses
39 jogos
17 vitórias
12 empates
10 derrotas
53,84% de aproveitamento

Comentários