Renato sobre a vitória: “Aula de futebol”

A vitória por 3×2, contra o Deportes Iquique-CHI, apesar de garantir a liderança do Grupo 8 da Libertadores da América, não agradou aos torcedores e, especialmente, ao treinador Renato Portaluppi. Após a partida, o comandante concedeu entrevista coletiva e falou sobre os dois tempos distintos na Arena.

“O primeiro tempo foi uma aula de futebol. No vestiário, falei pra eles que o jogo não estava decidido. E aí você precisa fazer os gols. Apesar do sufoco que a gente passou no segundo tempo, a gente ganhou jogo. Tivemos a chance de matar o jogo, mas não o fizemos”, lamentou o comandante.

Com o placar por 3×0, o técnico realizou algumas substituições, alterando o posicionamento do volante Ramiro, em duas oportunidades, com a entrada de Fernandinho. Além disso, Michel e Lucas Barrios também ingressaram na partida. “O problema não foi a saída do Léo, o problema foi o ‘soninho’. Dormiram e acordaram no meio do jogo. Agora os jogadores podem dormir, já conversei com o grupo e que sirva de lição. O puxão de orelha vai ter”, afirmou. 

Mesmo sofrendo o pênalti que resultou no terceiro gol da noite, Pedro Rocha foi muito criticado pelas oportunidades, claras, desperdiçadas. “Saio satisfeito do jogo de hoje. Precisamos também tirar os feitos positivos. O Pedro (Rocha) tem nos ajudado bastante. Conversei com ele no intervalo do jogo, ele teve duas chances de fazer o gol, faz parte”, disse Renato.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se você encontrar algo que viole os termos de uso, denuncie.