Renato Portaluppi fala sobre Edílson, Odorico e Eto’o


Por: Diogo Rossi, Jornalista, radialista e Repórter na @rdgrenal

O técnico do Grêmio, Renato Portaluppi, concedeu entrevista coletiva, no fim da manhã desta sexta-feira.

Perguntado sobre a saída de Edílson, Renato disse que o lateral o procurou nas férias pedindo ajuda para sair do clube:

“O Edílson é um grande jogador e gosto muito dele. Ele me ligou nas férias e trocou umas ideias comigo. Pediu para que eu ajudasse na saída dele do Grêmio. Ele recebeu uma proposta muito boa do Cruzeiro e saiu pela porta da frente. Isso é normal!”

Renato garantiu que nenhum outro jogador deixará o grupo. Exceto, se surgirem ofertas especiais por Arthur e Luan.

“Podem ter certeza que nenhum jogador do Grêmio vai sair mais. A não ser se surgir algo especial pelo Arthur ou pelo Luan.”

O treinador gremista também confirmou a informação trazida pela manhã na Rádio Grenal, sobre o atacante Samuel Eto’o.  O repórter Jeremias Wernek informou que o atacante camaronês de 36 anos havia sido oferecido ao clube. No entanto, os altos valores inviabilizaram a negociação.

“O Presidente me ligou para falar sobre o Eto’o. Falamos sobre outros jogadores também. Confio muito no Presidente e sempre que possível ele vai trazer jogadores importantes para reforçar o grupo.”

Renato ainda comentou a saída de Odorico Roman do departamento de futebol e disse que a escolha do novo vice é uma decisão exclusiva do Presidente Romildo Bolzan:

O Odorico é uma pessoa muito querida, que tive o maior prazer de trabalhar com ele. Quem vem para o lugar dele, não sei responder. É uma decisão total do Presidente.”

Confira a entrevista na íntegra: 

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se você encontrar algo que viole os termos de uso, denuncie.

2 comentários em “Renato Portaluppi fala sobre Edílson, Odorico e Eto’o

Comentários estão encerrados.