Renato lamenta chances desperdiçadas contra o São Luiz: “Faltou tesão”

O técnico Renato Portaluppi se disse aborrecido pelos lances de gols desperdiçados na partida contra o São Luiz, neste domingo. No jogo de ida das semifinais, no 19 de outubro, em Ijuí, os times ficaram no 0 a 0. O comandante gremista afirmou que “faltou tesão” aos jogadores na hora da finalização.

“A equipe lutou. Tivemos dois lances para marcar e não marcamos, foi o que me aborreceu. A gente sempre busca acertar. Hoje, infelizmente não tivemos uma tarde feliz, principalmente na bola. Alguns jogadores também foram a baixo. Não tivemos o tesão para marcar os gols .Temos que dar méritos ao São Luiz. Eles não chegaram a uma semifinal à toa. Por isso que eu falo, quando conseguimos ter espaço, não tivemos o tesão de marcar o gol”, declarou Renato.

O técnico gremista também cobrou a simplicidade dos jogadores na hora de finalizar. Renato chegou a utilizar exemplo de craques para destacar que em jogo decisivo não é hora para fazer “bonito”. “Em uma semifinal você não pode fazer bonito, tem que fazer o simples. Tivemos oportunidades de gols, mas não marcamos. O tesão que eu falo é que nunca vi o Pelé inventando, o Messi inventando, o simples é bonito no futebol. Agora, temos que nos preparar para o jogo de volta.Temos mais 90 minutos dentro da Arena”.

Após o empate, os times definem a vaga às semifinais no próximo domingo, às 16h, na Arena.

Antes disto, o Grêmio tem partida importante na Copa Libertadores, contra o Universidad Católica, na quinta-feira, às 19h, no Chile.

Voltar Todas de Esporte

Compartilhe esta notícia:

O Grêmio empatou com o São Luiz na primeira partida das semifinais do Gauchão e pode ir à final com uma vitória simples
Odair comemora resultado em Caxias e destaca comprometimento dos jogadores: “Orgulhoso”
Deixe seu comentário