Renato define vitória sobre Juventude como “placar magro”, mas exalta vantagem conquistada

A vitória por 1 a 0 dá ao Grêmio a chance de empatar no segundo jogo

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

A vitória por 1 a 0 em cima do Juventude na noite desta quinta-feira (29), trouxe ao Grêmio uma vantagem no confronto das oitavas de final da Copa do Brasil. Em uma partida equilibrada e intensa, Isaque balançou as redes para o tricolor logo aos oito minutos de partida, mas, mesmo perdendo, a equipe da serra gaúcha deu trabalho aos gremistas. Na entrevista coletiva após o jogo, o técnico Renato Portaluppi definiu o resultado da partida como “placar magro”,  mas ressaltou a vantagem conquistada.

Toda vantagem que você leva para uma decisão, seja qual for, é uma vantagem. É pequena. Procuramos buscar um resultado melhor, mas o Juventude dificultou bastante. Toda hora gente fora, nossos problemas. Equipe muito bem na partida, bem na Série B. Conseguimos o placar. Placar magro. Mas com respeito ao adversário. Temos mais 90 minutos em Caxias”, iniciou.

O comandante gremista aproveitou, inclusive, para destacar que sua equipe foi a única que venceu em casa na partida de ida das oitavas de final da competição: “O Grêmio foi o único que jogou em casa e venceu. Outros adversários não conseguiram nem uma pequena vantagem e estão numa desvantagem grande. Não tem jogo fácil. Tem mais 90 minutos. O adversário terá que se expor”.

Para a partida contra o Papo, Renato contou com o retorno de Matheus Henrique, recuperado da Covid-19, e de Jean Pyerre, que voltou após um longo período de recuperação muscular. Segundo o técnico, conforme adentrava a segunda etapa da partida, precisou mexer no time para dar um gás na equipe: “O primeiro tempo foi bastante pegado. As duas equipes tiveram oportunidades. Na etapa final, a partida caiu muito. Por conta dos problemas que tínhamos, o resultado foi bom. O Matheus Henrique teve um treinamento só. O Maicon ficou de fora. O Jean entrou longe da melhor forma. Começamos a perder o meio-campo, por isso tirei a velocidade pelo lado e coloquei o Thaciano para fechar o setor”, explicou.

A vitória por 1 a 0 dá ao Grêmio a chance de empatar no segundo jogo, que acontece na próxima quinta-feira (5), no Estádio Alfredo Jaconi. Derrota por um gol de diferença leva à decisão por pênaltis. No entanto, antes, o Tricolor encara o Bragantino, na Arena, na próxima segunda (2), pela 19ª rodada do Brasileirão.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Copa do Brasil: Grêmio vence o Juventude por 1 a 0 na Arena
Paulo Luz admite negociação com Gastón Ramírez e aguarda desfecho nos próximos dias
Deixe seu comentário