Prestes a entrar em nova fase do plano de contingência, Grêmio encaminha acerto por redução salarial dos atletas

Foto: (Lucas Uebel/Grêmio FBPA)

O Grêmio se prepara para ingressar na segunda fase do plano de contingência estabelecido pelo clube para o enfrentamento do período de crise. A nova fase passa a valer do período de julho ao final de setembro. Entre as medidas, está prevista uma renegociação com os atletas.

O novo planejamento leva em conta que, o atual, era válido apenas até julho. Período, ao qual se encaminha, ainda sem a volta do futebol. Já que a previsão de retorno do Campeonato Gaúcho é para o dia 19 de julho.

Conforme apurou a reportagem da Rádio Grenal, este plano deve seguir com a manutenção de medidas já adotadas, como a renegociação de contratos com fornecedores e credores. A sequência de trabalhos das categorias de base do masculino e do departamento feminino deve seguir de maneira virtual para a contenção de gastos.

Contudo, quanto ao vencimentos dos atletas deve ser promovida uma nova negociação. Depois da repactuação para o pagamento dos direitos de imagem para 2021, o clube deve promover uma redução salarial estipulada de 15% a 20%. O acerto já vem sendo tratado com os jogadores.

Apesar da medida de redução, a direção estuda que este percentual possa ser recompensado no próximo ano aos atletas.

 

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Empresário de Ferreira dispara contra dirigentes do Grêmio: “Eles têm que vir a público e desmentir as mentiras que eles inventaram”
Após recusa do elenco, Grêmio adota nova estratégia e irá recompensar redução de salário em 2021
Deixe seu comentário