Presidente da FGF diz que ampliação de férias tem influência no planejamento para a sequência da temporada

Foto: (Divulgação/FGF)

Enquanto ainda não há uma definição oficial sobre a volta do futebol, os clubes foram aconselhados pela CBF e federações para estender o período de férias dos jogadores ou a suspensão das atividades por mais 10 dias. Inicialmente, os clubes haviam traçado o tempo de recesso entre 1° a 20 de abril.

Em contato com a Rádio Grenal, o presidente da Federação Gaúcha de Futebol, Luciano Hocsman, explicou que a medida leva em conta o planejamento do retorno das competições, em meio à paralisação por conta da Covid-19.

“Esses 10 dias a mais serão extremamente importantes dentro de um planejando de continuidade da temporada, que está sendo traçado pela CBF juntamente com as federações. Esses 10 dias servirão para compensar, provavelmente, o mês de dezembro na continuidade da temporada”, declarou Hocsman.

Veja o que disse o presidente Luciano Hocsman à Rádio Grenal:

A CBF tem mantido contato com os clubes visando um plano para a retoma do calendário. A FGF, por sua vez, que havia marcado uma reunião com os clubes que estão na disputa do Campeonato Gaúcho, no próximo dia 20, data que se encerraria as férias, deve manter a decisão de suspensão por tempo indeterminado do estadual momentaneamente.

O Grêmio já confirmou que irá manter suspensas as atividades do Departamento de Futebol por mais 10 dias. O retorno às atividades está previsto para o dia 2 de maio.

O Inter também já comunicou aos atletas que o período de recesso será estendido.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Futebol

Compartilhe esta notícia:

O Grenal mais importante da história: campanha da Santa Casa arrecada mais de R$ 2 milhões para estruturação de leitos de UTI
Elenco do Esportivo é a primeira equipe do Estado a retomar as atividades
Deixe seu comentário