Pedro Rocha decide e Grêmio arranca os 3 pontos em casa


Por: Jonata, jornalista, radialista e repórter na @rdgrenal.

Pelo placar mínimo, o tricolor venceu o Atlético Paranaense na Arena e encostou no G6 do Campeonato Brasileiro. Pedro Rocha aproveitou uma rebatida pelo goleiro Weverton e empurrou paras as redes para dar os 3 pontos ao Tricolor na Arena. Agora com 46 pontos, o Grêmio está empatado com o Fluminense, sexto colocado e segue na briga pelo G6

Primeiro Tempo

O Grêmio foi à campo pensando nos 3 pontos contra o adversário. No time titular, Maicon dava mais estabilidade no meio campo e Luan, mais solto, tentava dar um ritmo mais acelerado no ataque tricolor. Mas o Atlético-PR estava bem postado, marcando bem o meia Douglas e não permitindo que o Tricolor levasse perigo ao gol de Weverton.

O jogo era truncado, com muitos erros de passe e faltas desnecessárias no meio campo. Poucas chances foram de gol foram criadas até a metade da primeira etapa. Walace, depois de bola enfiada de Luan, teve boa oportunidade, mas não foi feliz no arremate.

Após domínio inicial, o Grêmio diminuiu o ritmo, deixando o Atlético ter mais a posse de bola e mais presença ofensiva. Contudo, o time de Autuori não chegava bem à frente e sequer assustava Bruno Grassi.

Mas no finalzinho do primeiro tempo, em jogada de Edílson pela direita, o lateral chutou cruzado e Weverton não segurou. A bola sobrou para Pedro Rocha, bem colocado empurrar para as redes atleticanas. Mesmo com um primeiro tempo tecnicamente muito ruim, o Tricolor abriu o placar e foi para o intervalo com a vantagem.

Segundo Tempo

Na segunda etapa, o Grêmio retornou sem alterações, mas buscando a marcação mais apertada e no campo do adversário. O Atlético, porém, trocava um volante por mais um homem de frente para buscar o resultado na Arena.

Mas com a subida do CAP, sobravam espaços para o contra-ataque. Luan, Douglas e Pedro Rocha conseguiam boas infiltrações em meio aos defensores, criando boas chances para ampliar o placar e rondando bastante a área adversária. E numa bola parada na frente da área, Luan cobrou direto para o gol e a bola explodiu na trave esquerda de Weverton.

O Tricolor seguia com mais volume de jogo, dominando as ações e chegando mais a frente. Luan era quem comandava as ações, principalmente em jogadas individuais. Se o Grêmio atacava, quem estava tranquilo era Bruno Grassi. O goleiro pouco trabalhou na segunda etapa e via a zaga fazer uma boa partida em botes seguros antecipações.

No final da partida, o Grêmio ainda teve grande chance com Everton, que perdeu um gol cara a cara com Weverton. O goleiro atleticano fez grande defesa. Com a vitória pelo placar mínimo, o Grêmio chegou aos 46 pontos, 1 atrás do Fluminense.

Dono da bola Coca-Cola: Pedro Rocha

Ficha Técnica

Comentários