”Ele não é um jogador de muita finalização”, revela treinador que lançou Negueba


Por: Jonata, jornalista, radialista e repórter na @rdgrenal.

Provável reforço do Grêmio para o restante da temporada, o atacante Negueba deve chegar a Porto Alegre no decorrer da semana. O jogador, que em 2010 já atuava como profissional pelo Flamengo, foi campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2011.

O técnico do time campeão, à época Paulo Henrique Junior, conversou com o repórter Diogo Rossi sobre as características do jogador:

”O Guilherme (Negueba), sempre se mostrou um atleta de muita desenvoltura, um atleta muito dinâmico, que sempre buscou essas características. (…) Na Copa São Paulo, a gente já via isso nele, já tínhamos uma expectativa nele para atuar no grupo principal do Flamengo na época. (…) Nós esperamos que ele possa se reencontrar agora no Grêmio.”

Além disso, o ex-treinador também comentou a respeito de como Negueba pode render mais, atuando na posição em que foi revelado.

”Ele não é um jogador de muita finalização. Na base ele sempre se destacou vindo de trás, é um jogador de armação e não rende tanto como uma atacante de beirada de campo. (…) Acho que ele tem qualidade para ir bem no Grêmio. Acho que esse papel de beirada de campo campo, de ajuda ao lateral ele pode render bem no Grêmio”.

A respeito da vida extra-campo do jogador, Paulo Henrique salientou:

”O Guilherme sempre foi um atleta dedicado, sempre foi exemplar. É claro que quando os atletas sobem da base logo para o profissional, eles podem se deslumbrar, acharem que são donos do mundo. Isso acontece não só com o Guilherme, mas com um grande número de atletas, isso é normal até mesmo da questão da idade”.

 

Ouça a entrevista completa:

Comentários