No fim do primeiro turno do Brasileirão, o Inter venceu o Atlético-MG por 3 a 1

Na manhã deste domingo (15), o Inter enfrentou o Atlético-MG em Belo Horizonte (MG), no Estádio Independência. Com time alternativo devido a final da Copa do Brasil nesta quarta (18), o Colorado venceu o Galo por 3 a 1. Os gols colorados foram marcados por Pottker, duas vezes, e Neilton. Bruninho descontou para o time da casa.

Aos três minutos, primeira chegada do Inter: depois do cruzamento de Parede, Pottker concluiu e chutou na rede, mas pelo lado de fora. Em seguida, veio a resposta do Atlético-MG: Chará cruzou na cabeça de Bruninho, que lançou no canto. Danilo Fernandes defendeu. Aos 18, mais uma jogada de Parede: depois de Pottker, o atacante concluiu mais uma, mas o chute foi para cima da goleira do Galo. Aos 25, quase gol de Heitor: o lateral colorado se mandou para o ataque, deixou três para trás e arriscou o chute. Cleiton fez grande defesa.

Três minutos depois, saiu o primeiro gol do Colorado: bola sobrou para Réver, mas William Pottker cabeceou no canto, sem chance para o goleiro. O primeiro tempo acabou aos 48, sem mais grandes chances para nenhum dos times. No intervalo, o Atlético fez duas trocas: Ramón saiu para a entrada de Cazares e Ricardo Oliveira deu lugar a Di Santo.

O Inter marcou o segundo gol logo no início da etapa complementar. Aos sete, Heitor mandou pra Sobis, que tocou para Neilton, ampliando o placar. Aos 12, depois de bate-rebate na área do Inter, Vinícius tentou descontar para o Galo, mas a bola foi pra cima da goleira. Dois minutos depois, a pressão continuou. Di Santo finalizou e o goleiro do Internacional fez milagre para salvar o time. Aos 15, mais pressão do Galo. Depois de Vinícius bater escanteio, Réver mandou para Léo Silva. 

A pressão do Galo não inibiu o Inter. Aos 18, Pottker recebeu de Heitor e fez uma pintura em Belo Horizonte, marcando o terceiro do Colorado.

Sob gritos de “time sem vergonha” e vaias da torcida atleticana, o Galo fez sua última substituição aos 21: saiu Vinícius para a entrada de Nathan. Aos 24, o autor de dois dos três gols da partida, William Pottker, saiu para a entrada de Sarrafiore, e aos 29, Sobis deu lugar a Johnny, estreante no time do Internacional. Aos 37, última substituição do jogo: entrou José Aldo e saiu Neilton.

Quase no fim do jogo, aos 42, o Atlético marcou o gol de honra: depois de erro de Klaus, Chará cabeceou para Bruninho, que deslocou Danilo e descontou para o time de Minas Gerais. Aos 47, Parede ainda levou um amarelo por falta em Chará. 

Com a vitória, o time gaúcho encerrou o primeiro turno do Brasileirão na quarta coloração, com 33 pontos somados.

O próximo desafio do Inter será na quarta, às 21h30min, no Beira-Rio, na finalíssima da Copa do Brasil contra o Athletico-PR. No jogo da ida, o time paranaense venceu o Colorado por 1 a 0.

 

Voltar Todas de Esporte

Compartilhe esta notícia:

Em seu aniversário de 116 anos, o Grêmio goleou o Goiás por 3 a 0 no Brasileirão
“Nunca estivemos tão próximos”, disse o presidente do Grêmio sobre a compra da gestão da Arena
Deixe seu comentário