• Ouça a Rádio Grenal

Musto explica dinâmica do meio-campo do Inter na formação de Coudet

Assim como o novo técnico Eduardo Coudet, o volante Dámian Musto também inicia sua primeira temporada no Inter. Em novo ambiente de trabalho e como novo modelo de jogo, o jogador avalia que o pouco tempo traz dificuldades para o grupo assimilar, de cara, a nova ideia, mas fez destaque ao empenho dos novos companheiros.

“O começo é difícil de implementar uma mudança. Outro país, é difícil de convencer o jogador. Mas o grupo está muito aberto a aprender outra forma de jogar. Nem melhor ou pior, mas outra forma. A ideia é clara e temos convicção que é o caminho. A ideia é ser protagonista sempre, e estamos trabalhando para isso ser cada vez mais constante”, declarou o argentino.

O jogador também explicou o modelo de meio-campo do time com quatro ‘volantes’: “São jogadores de características diferentes. O mais defensivo sou eu, que seguro atrás para os laterais subirem. A dinâmica que eles dão jogando mais adiantados, o Patrick e o Edenilson, são importantes. Pelo que sei no ano passado jogavam um pouco mais atrás, em linha. Agora chegam mais na área.”

Nos próximos dias, o colorado encara duas partidas. A primeira delas é neste sábado, contra o Novo Hamburgo, em busca da confirmação da liderança do grupo A, do Gauchão. Já na terça-feira, o jogo tem carácter decisivo. Também no Beira-Rio, o time recebe a Universidad de Chile, pelo jogo de volta da pré-Libertadores. Com o empate em 0 a 0, no 1° jogo, a equipe precisa de uma vitória para avançar a próxima eliminatória.

Foto: (Ricardo Duarte/S.C.Internacional)

Voltar Todas de Esporte

Compartilhe esta notícia:

“É uma disputa sadia”, afirma Alisson sobre briga pela titularidade com Pepê
Com chuva intensa no Beira-Rio, o Inter venceu o Novo Hamburgo por 2 a 0 e garantiu a liderança do Grupo A do Gauchão
Deixe seu comentário