Jornalista da Revista Época revela situação financeira da Dupla Grenal


Por: Diogo Rossi, Jornalista, radialista e Repórter na @rdgrenal

O jornalista da Revista Época, Rodrigo Capelo, concedeu entrevista no programa Grenal Futebol Clube desta quarta-feira (24) e revelou a atual situação financeira de Grêmio e Internacional. Ambos os clubes não vivem um bom momento econômico, apesar das saídas de diversos jogadores e das costas televisivas.

“A folha do Grêmio não fecha e o clube vem, há tempos, fazendo extravagâncias. As dívidas de momento são muito altas, em 2017 a receita caiu. No Internacional, a situação não é muito diferente, apesar das vendas dos últimos anos terem sido muito boas”.

Alguns fatores são determinantes para situação ruim das equipes fora de campo como jogar a Série B, no caso colorado, e a aquisição da Arena, pelo lado gremista. De acordo com Capelo, atuar na segunda divisão do Campeonato Brasileiro afeta diretamente nos ganhos de bilheteria e prospecção de novos sócios, enquanto a renda do novo estádio gremista é destinada aos administradores do empreendimento e não para o Grêmio, causando prejuízos ao clube.

“Jogar a Série B do Campeonato Brasileiro é ruim para o Inter, quando se fala em bilheteria e associações ao clube. É natural que haja queda nas receitas. Já a Arena do Grêmio não se paga e dá prejuízo. A renda não fica com o clube, mas sim com a Arena. O Fábio Koff não realizou a compra da Arena há dois anos atrás. A partir da compra, o clube conseguirá reduzir as dívidas. Os clubes precisam enxugar as folhas salariais e/ou vender jogadores. Não tem como fugir disso”, afirmou o jornalista. 

Confira a entrevista completa

 

 

Comentários