O Inter perdeu de 2 a 1 para o Vasco, lanterna do Brasileirão, e continua sem vencer fora de casa neste campeonato

O Inter perdeu mais uma partida fora de casa, desta vez para o Vasco, no Rio de Janeiro, por 2 a 1. A partida desta sexta-feira (7) foi válida pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. Andrey e Tiago Reis marcaram a favor do time carioca, enquanto Emerson Santos descontou para o Colorado.

Mesmo sem ter ganhado nenhuma partida fora de casa, o Inter estava embalado no campeonato: invicto há quatro jogos. Sem contar com Rodrigo Moledo, Emerson foi o zagueiro titular e fez uma ótima partida. Mas o técnico Odair Hellmann tinha um grande desfalque no ataque: Paolo Guerrero, na Seleção do Peru para a Copa América. Ele foi substituído por Rafael Sóbis.

O Vasco começou atacando e com maior posse de bola. O ataque acontecia principalmente pelo lado direito com Rossi. Os primeiros 10 minutos foram do jogador. Logo nos segundos iniciais, ele já chutou contra o gol de Marcelo Lomba. Aos oito minutos, ele recebeu na intermediária, avançou em velocidade e bateu cruzado. A bola passou perto do gol.

O Vasco atuava bem e neutralizava os ataques do Inter, conseguindo sair jogando e criando com algum perigo. Rossi e Marrony eram as principais opções de chegada ao gol.

A primeira tentativa do Internacional foi aos 12 minutos. Uendel tocou para Nico e foi para a grande área. O uruguaio deixou o marcador para trás e cruzou na cabeça do lateral, que errou o alvo. Porém, na primeira jogada, o jogador estava impedido.

O ponteiro marcava 16 minutos e a equipe colorada ainda não tinha chutado a gol, já o Vasco, sim, uma vez. O time carioca, aproveitava os contra-ataques e estava tranquilo no jogo. O Inter era impaciente em busca do gol, porém atacava e criava pouco.

Aos 25 minutos, o Vasco teve sua melhor chance. Rossi passou na velocidade e cruzou na cabeça de Tiago Reis, que alcançou torto e a bola saiu. Depois de chegar com mais intensidade, o Inter equilibrou a partida. Porém o Vasco seguiu com mais iniciativa, mesmo que mostrasse mais dificuldade para impor seu ritmo.

Aos 37 minutos, outra chegada com impedimento do colorado. Nico López recebeu de Nonato dentro da área e chutou. Fernando Miguel defendeu, mas o uruguaio estava impedido.

O time vascaíno começou bem, tomou um susto e ficou mais tímido. A torcida começou a pegar no pé. Porém, logo depois disso, o Vasco fez 2 a 0, já no final da etapa inicial. O primeiro gol foi aos 44 minutos. Rossi cruzou e Emerson Santos rebateu errado. A bola sobrou para Andrey, que chutou. Lomba só observou e ela foi para o fundo das redes. Já o segundo gol veio aos 47 minutos, após cobrança de falta de Danilo Barcelos. A bola explodiu no travessão e, no rebote, Tiago Reis completou para o fundo das redes de Lomba.

A segunda etapa iniciou com substituição: Edenílson saiu, para a entrada de Patrick. O colorado tinha mais posse de bola, porém não achava espaços. O Vasco, com o resultado, jogava praticamente se defendendo.

O Inter tentou já durante os 10 minutos da etapa complementar. Tentou e conseguiu com o zagueiro Emerson Santos. Após um cruzamento na área de Nico López, Cuesta não dominou. Porém, a bola chegou até Emerson Santos, que chutou forte no canto de Fernando Miguel.

Após o gol, começou a aumentar a pressão colorada. Alvez entrou no lugar de Parede e, aos 13 minutos, Patrick fez uma grande jogada pela esquerda e cruzou para ele que, sem goleiro, mandou por cima do gol. Logo após a tentativa, Patrick também perdeu o seu. Isolou. Alvez estava bem participativo. Aos 21 minutos ele fez o gol de empate, mas estava impedido.

O Internacional voltou diferente para o segundo tempo, motivados pela postura retrancada que o Vasco aderiu. O time carioca não contra-atacava e Rossi diminuiu o ritmo. Aos 23 minutos mais uma boa chance desperdiçada. Nonato pegou de primeira e soltou uma bomba de fora da área, mas Fernando Miguel fez grande defesa.

A etapa complementar chegava aos 30 minutos quando Odair fez mais uma alteração: colocou Sarrafiore e tirou Nico, que deixou a desejar. Depois da troca, nada mudou. O Inter continuou tentando, porém não conseguiu empatar e acabou perdendo. Já o Vasco conseguiu sua primeira vitória no campeonato.

O próximo jogo do Internacional é na quarta-feira (12), contra o Bahia, pelo Campeonato Brasileiro, no Estádio Beira-Rio, às 21h30.

Ficha Técnica

Internacional – Técnico Odair Hellmann

Marcelo Lomba; Zeca, Emerson Santos, Víctor Cuesta e Uendel; Rodrigo Lindoso, Edenilson (Patrick) e Nonato; Guilherme Parede (Jonatan Alvez) , Nico López (Sarrafiore) e Rafael Sobis.

Vasco – Técnico Vanderlei Luxemburgo

Fernando Miguel; Yago Pikachu, Oswaldo Henríquez, Ricardo Graça e Danilo Barcelos; Raul, Andrey (Fellipe Bastos) e Marcos Júnior; Rossi (Bruno César), Marrony e Tiago Reis (Jairinho).

Arbitragem

Heber Roberto Lopes (SC) Auxiliares: Alex dos Santos (SC) e Eder Alexandre (SC).

Voltar Todas de Esporte

Compartilhe esta notícia:

Renato descarta Luan contra o Fortaleza e deixa titularidade de Tardelli em aberto: “Tudo pode acontecer”
Grêmio e Fortaleza se enfrentam neste sábado em Caxias do Sul
Deixe seu comentário