Inter soma a décima partida sem vitória, e Seijas fala em evitar rebaixamento


Por: Kalleb França, jornalista, radialista e repórter na @rdgrenal

Em um duelo cheio de alternativas, o Cruzeiro com superioridade venceu o Internacional por 4×2 em uma noite de gala de Rafael Sóbis, que assinou três gols na partida. Com a derrota, o colorado soma dez jogos sem vencer e está em queda livre na tabela com 21 pontos e perdeu mais uma posição está em  14º. A raposa venceu a segunda partida dentro dos seus domínios na competição e somou 18 pontos e está em 18º. Se vencer o Corinthians na próxima rodada pode deixar o Z4 se afirmar em uma recuperação que pode preocupar o próprio Internacional.

 

Primeiro tempo

 

Em um início de partida em alto ritmo, o venezuelano Seijas abriu o marcador logo aos 2′ de partida após um rápido contra-ataque que pegou a defesa do Cruzeiro fora de lugar. Valdívia encontrou Seijas que tocou de primeira pro fundo da rede de Fábio. Como marcador aberto a seu favor, o Internacional manteve a postura para tentar encaixar outro contra-ataque, porém o Cruzeiro, embalado pela sua torcida foi para cima dos colorados.

O gol de empate, veio em uma falha defensiva do Internacional, que permitiu que Rafael Sóbis ficasse totalmente livre dentro da pequena área, o atacante só teve o trabalho de tocar para tirar o goleiro Marcelo Lomba da jogada. Empate estabelecido aos 13′, e o início de uma forte pressão do time da casa. A equipe cruzeirense foi pra cima e aos 16′ do primeiro tempo virou o jogo com um belo gol de Ábila, que pegou de primeira de perna direita, a bola ainda tocou na trave antes de entrar.

Pavor estabelecido no time do Inter, a equipe colorada se perdeu  e ficou completamente desestabilizada. O cruzeiro, aproveitou o nervosismo colorado, e escapou com rapidez pelo lado esquerdo, Ábila chutou forte no travessão, no rebote o ataque cruzeirense trabalhou a bola que chegou novamente em Rafael Sóbis, que tirou do goleiro e marcou o terceiro gol cruzeirense. Fim do primeiro tempo, e um placar de 3×1 para o time da casa, aproximava o Inter da 10ª partida sem vencer.

 

Segundo Tempo

A segunda etapa não tinha nem começado a esquentar, e Rafael Sóbis novamente pelo lado esquerdo, após troca de passes envolvente, chutou forte e arcou o quarto gol do Cruzeiro no jogo.  O quinto gol parecia questão de tempo. Com velocidade e troca de posições, o time mineiro ia chegando com força no ataque.

O Internacional, sem encaixar a marcação, não conseguia conter os avanços cruzeirenses. Falcão, realizou trocas, colocando Alex no lugar de Valdívia, Ariel no lugar de Seijas e Marquinhos entrou na vaga de Anderson. Em uma falha do goleiro Fábio, o árbitro marcou pênalti. Alex chutou forte e descontou.

A partida foi se encaminhando para o final sem uma reação maior do Internacional, enquanto o relógio avançava o 4×2 persistia, e a raposa seguia na frente no placar e aproveitando cada minuto para ficar com a vitória dentro de casa. Na próxima rodada os mineiros enfrentam o Corinthians no Pacaembu, e o Internacional recebe em casa o descansado Fluminense.

 

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 4 X 2 INTERNACIONAL

Data e Hora: 04/08/16, às 21h
Local: Estádio do Independência, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Raphael Claus (SP/FIFA)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Rogério Pablos Zanardos (SP)
Cartões Amarelos: Fábio (CRU); Alex (INT)
Cartões Vermelhos: Não houve.
Público e Renda: Não divulgados.
Gols: Seijas, 2’/1ºT (0-1); Rafael Sóbis, 13’/1ºT (1-1); Ábila, 16’/1ºT (2-1); Rafael Sóbis, 40’/2ºT (3-1); Rafael Sóbis, 7’/2ºT (4-1); Alex, 27’/2ºT (4-2);

CRUZEIRO: Fábio; Lucas, Bruno Rodrigo, Manoel e Edimar; Ariel Cabral, Bruno Ramires, Robinho (Rafinha, 35’/2ºT) e Arrascaeta; Ábila (Marcos Vinícius, 40’/2ºT) e Rafael Sóbis (Douglas Coutinho, 29’/2ºT). TEC: Mano Menezes.

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Paulo Cezar; Alan Costa, Ernando e Artur; Fernando Bob, Fabinho, Seijas (Ariel, 35’/2ºT) e Anderson (Marquinhos, intervalo); Valdívia (Alex, 13’/2ºT) e Nico López. TEC: Paulo Roberto Falcão.

Comentários