Inter e Palmeiras teriam negociado possível troca entre Thiago Galhardo e Luiz Adriano

Atacante colorado não vive bom momento e pode estar de saída do clube

Foto: Ricardo Duarte / S.C. Internacional

De acordo com reportagem da Rádio Grenal, Inter e Palmeiras teriam negociado uma troca entre os centroavantes Thiago Galhardo e Luiz Adriano. Clube paulista chegou à fazer a oferta, mas após o aval colorado, o presidente Maurício Galiotte voltou atrás e recusou o negócio.

Tanto Galhardo, quanto Luiz Adriano vivem má fase em seus respectivos clubes. Os dois atletas alternaram entre o banco de reserva e o time titular nas últimas partidas, e seriam considerados boas ”moedas de troca” por ambos os times. O camisa 17 colorado ainda não conseguiu balançar as redes no Brasileirão. Enquanto o 10 palmeirense tem apenas um gol em seis partidas.

Desde que estreou pelo Inter, em janeiro do ano passado, Thiago Galhardo se divide entre altos e baixos. Foi artilheiro do Brasileirão e até chegou à seleção sob comando de Eduardo Coudet. Mas depois da saída do argentino, viveu uma longa má fase com Abel Braga. Chegou a recuperar o bom momento com Miguel Angel Ramirez, mas desde sua demissão, ainda não conseguiu marcar. Galhardo tem bons números jogando no Beira-Rio, em 77 partidas partidas, ele balançou as redes 33 vezes. Uma média de quase um gol a cada dois jogos.

Já Luiz Adriano é fruto das categorias de base do Inter. O atacante passou pelo clube entre 2006 e 2007 e fez parte do elenco colorado que foi campeão mundial em 2006, marcando inclusive um gol no torneio. Em sua passagem, Luiz Adriano atuou em 26 partidas, marcando quatro gols. Ele foi negociado com o Shakhtar Donetsk em março de 2007, quando tinha apenas 19 anos. Pelo Palmeiras, seus números são de 91 jogos, com 30 gols marcados. 

Lembrando que as duas equipes se enfrentam nesta quarta-feira (30), às 19h, no estádio Beira-Rio. E caso Luiz Adriano comece ou entre durante a partida, ele atingirá as sete partidas, e não poderá mais atuar por outra equipe no Brasileirão. Por conta da regra feita pela CBF.

 

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Com mais um gol sofrido pelo alto, bola aérea defensiva vira dor de cabeça para o Inter
Gigante Solidário: Inter promove drive-thru para troca de cestas básicas por materiais esportivos de temporadas passadas
Deixe seu comentário