Inter é notificado pela FIFA para apresentar explicações sobre a transferência de Sarrafiore


Por: Valéria Possamai,

Após a denúncia protocolada pelo Hurácan, o Inter recebeu notificação da FIFA sobre a contratação do jovem Martin Sarrafiore. O clube argentino, ex-time do jovem, alega que houve aliciamento do colorado na negociação da vinda do atleta. A direção terá até a próxima terça-feira, 2 de abril, para encaminhar documentos e esclarecimentos sobre a contratação.

Em setembro do ano passado, o Huracán oficializou a ação contra o Inter. Na petição protocolada na entidade máxima do futebol, o clube alegou que o clube gaúcho fez uso de “manobra” na negociação com o jogador e solicitou ressarcimento em 10 milhões de dólares, conforme cláusula de rescisão acertada em contrato. A Federação Gaúcha de Futebol (FGF) também foi citada na denúncia. Os argentinos alegam que a manobra na negociação do jogador só pode ser concretizada com a atuação da FGF, responsável pela organização da Copa Ipiranga (competição em Sarrafiore se destacou e despertou o interesse do Inter), para ser uma espécie de “palco para este tipo de manobras de ética duvidosa”. Até a manhã desta quarta-feira, a Federação ainda não havia sido notificada, conforme apurou a reportagem da Rádio Grenal.

A direção colorada tem declarado segurança quanto os trâmites utilizados na negociação. Em entrevista no último sábado, no estádio do Vale, na partida de ida pelas quartas de finais do Gauchão, o presidente Marcelo Medeiros garantiu que o clube está “tranquilo” quanto à situação e declarou que desde que perdeu Sarrafiore, os argentinos afirmaram que tomariam providências.

 

Comentários

>