Há 10 anos, Renato Portaluppi assumia o Grêmio pela primeira vez

Foto: Grêmio FBPA

Há exatos 10 anos, o ídolo dos torcedores gremistas, Renato Portaluppi assumia o comando do tricolor pela primeira vez. Na data, Renato foi recebido no aeroporto Salgado Filho por aproximadamente mil torcedores, que fizeram a festa com a sua chegada. A comoção da torcida com a chegada do novo técnico se deu pois o mesmo está eternizado na memória dos gremistas como o camisa 7, o herói do Campeonato Mundial, quando foi responsável pelos dois gols da vitória na decisão contra o Hamburgo, da Alemanha, por 2 a 1.

Renato assumiu a equipe em um momento delicado. Antes da sua chegada, o tricolor era comandado por Silas, mas não ia bem. O clube se encontrava na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Em quatro meses, Renato levou a equipe à 4ª colocação na tabela e conseguiu a classificação para a Libertadores de 2011. Nesta primeira passagem, foram 65 jogos e 33 vitórias.

Atualmente, Renato está na sua terceira passagem pelo tricolor, à frente da equipe desde 2016. Em toda a sua caminhada, o mesmo já conquistou uma Copa do Brasil (2016), uma Libertadores (2017), uma Recopa Sul-Americana (2018), dois Gauchões (2018 e 2019) e uma Recopa Gaúcha (2018). E lista pode aumentar. Isso porque o Grêmio está na final do Gauchão 2020. A disputa contra o Caxias será nos dias 26 e 30 de agosto. 

Em suas redes, o Grêmio homenageou Renato com uma montagem de registros importantes das passagens das suas passagens como técnico, e subiu a hashtag #Imor7al, fazendo referência ao número da camisa que o ídolo usava:

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Gurias gremistas se reapresentam e passam por testes para detecção da Covid-19
Grêmio aciona CBF para cobrar multa de Corinthians por atraso em pagamento na venda de Luan
Deixe seu comentário