Grêmio perde para o Cruzeiro e fica longe do grupo de elite


Por: Kalleb França, jornalista, radialista e repórter na @rdgrenal

Em uma noite apática, o Grêmio perdeu para o Cruzeiro por 1×0 no Mineirão em partida, válida pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com a vitória, o time mineiro subiu para a 15ª colocação com 33 pontos. Saindo assim da zona do rebaixamento. Já o tricolor, permaneceu com 40 pontos e caiu para a 9ª colocação na tabela e classificação do certame. Além do resultado o Grêmio perdeu Luan e Marcelo Oliveira para a próxima partida.

Primeiro tempo

A partida começou quente. Para os que achavam que o Grêmio iria facilitar as coisas para prejudicar o rival colorado, se enganou bastante pois logo nos primeiros minutos o tricolor perdeu duas chances de gol. Na primeira, Pedro Rocha recebeu na área cruzeirense e finalizou para fora. Em seguida quem desperdiçou  foi Luan, que demorou para finalizar e perdeu o controle da bola.

Um pouco lento e sem conseguir repetir a atuação que teve diante do Palmeiras no meio de semana, o tempo tricolor passou a ser controlado pelo Cruzeiro ainda antes dos 20′. Àbila teve a chance de abrir o marcador, e de voleio chutou por cima. Na sequência, Bruno Grassi salvou por duas vezes.

Envolvido pela movimentação do ataque do time mineiro, o Grêmio teve a chance em uma escapada de Luan que chutou por cima, na tentativa de tirar a bola do alcance do goleiro Rafael. Porém colocou muita força e a bola foi por cima. Aos poucos a raposa passou a erguer bola na área do Grêmio e Bruno Grassi saio da primeira etapa como o melhor em campo , por ter salvado o time gaúcho por duas vezes.

Segundo tempo

Mesmo precisando da vitória, o segundo tempo começou morno e sem muitas chances para nenhuma das equipes. O Grêmio, se preocupava em se defender e sair em velocidade nos contra ataques. O Cruzeiro era mais agudo nas jogadas de ataque, e manteve a marcação mais adiantada, mas o jogo ainda era muito frio.

Em busca de mudar o panorama do jogo, Mano Menezes tirou o atacante argentino Ábila, e colocou William. Em resposta, Renato colocou Everton no lugar de Pedro Rocha. A modificação de Mano surtiu mais efeito, em pouco minutos o time mudou a forma de jogar e começou a chegar com perigo. Aos 28′ em uma jogada rápida pelo lado esquerdo de ataque, Rafinha encontrou Élber livre dentro da área, o jogador chutou forte e Bruno Grassi coloco para escanteio.

Enquanto os jogadores do Grêmio comemoravam a defesa, o Cruzeiro cobrou o escanteio de forma muito rápida, e em um cruzamento encontrou o capitão Henrique, que subiu mais que todo mundo e testou para o gol. O placar estava aberto e à favor do time da casa. O 1×0 persistiu até o final e o Grêmio não conseguiu sequer pressionar em busca do gol de empate. Sem mais chances de gol para nenhum dos lados, a partida se encaminhou para o final.

E o placar, sacramentou a primeira derrota de Renato Gaúcho, no comando do Grêmio pelo campeonato brasileiro. O tricolor, agora enfrenta o Vitória na próxima quarta-feira às 19h30 na Fonte Nova em Salvador.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 1 X 0 GRÊMIO

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data-hora: 1/10/2016 (sábado) – às 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Assistentes: Cristhian Passos Sorence (GO) e Leone Carvalho Rocha (GO)

Gol: Henrique – 27’/2ºT (1-0)

Cartão amarelo: Ramón Ábila, Henrique, Ariel Cabral (Cruzeiro); Marcelo Oliveira, Luan, Everton (Grêmio)

CRUZEIRO: Rafael; Ezequiel, Léo, Bruno Rodrigo e Edimar; Henrique e Ariel Cabral (Lucas Romero – 29’/2ºT); Robinho, Rafinha e Rafael Sobis (Élber – 13’/2ºT); Ramón Ábila (Willian – 19’/2ºT). Técnico: Mano Menezes.

GRÊMIO: Bruno Grassi; Wallace Oliveira, Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Kaio, Jailson, Ramiro, Douglas (Henrique Almeida – 35’/2ºT) e Pedro Rocha (Everton – 23’/2ºT); Luan. Técnico: Renato Gaúcho.

Comentários