Grêmio leva susto, vira sobre o Brasil-Pel e conquista a 1ª vitória no Gauchão


Por: Diogo Rossi, comunicador na @rdgrenal

A delicada situação do Grêmio no Campeonato Gaúcho teve mais um capítulo na noite desta quarta-feira. Na Arena, recebeu a invicta equipe do Brasil de Pelotas, comandada pelo técnico Clemer e conquistou a primeira vitória na competição, de virada. Robério marcou para os visitantes, enquanto Alisson, pela primeira vez, e Luan para o Tricolor.

Renato, na segunda partida dos profissionais em 2018, repetiu a escalação do último jogo, mantendo Cícero com homem mais adiantado, na figura do “falso 9”. Marcelo Grohe, Madson, Pedro Geromel, Kannemann e Bruno Cortez formaram o sistema defensivo. Jaílson, Maicon, Luan, Léo Moura e Everton compuseram o meio-campo gremista.

Vaias ao intervalo, mudança de postura e “dedo” de Renato

O primeiro tempo foi desastroso para o lado tricolor, especialmente pelas dificuldades encontradas na transição do meio para o ataque, fruto da boa marcação do adversário – a melhor defesa da competição. O mais próximo que conseguiu chegar foi em chute de longa distância do capitão Maicon, para a defesa do goleiro Marcelo Pitol.  Do outro lado, Alisson Farias construiu boa jogada pela esquerda e rolou para Robério, livre e de muito perto, marcar, mas parou na espetacular intervenção de Marcelo Grohe. No lance seguinte, no entanto, o Brasil-Pel abriu o placar. Toty finalizou cruzado e viu o prórpio Robério desviar para o fundo das redes.

Além das vaias na saída do gramado, o comandante promoveu duas alterações no intervalo: Alisson e Jael entraram nas vagas de Madson e Jaílson. Com as mudanças, Léo Moura retornou à posição de origem e Cícero foi recuado para a segunda função do meio.

A estrela de Renato Portaluppi demorou instantes para brilhar na Arena, quando Luan achou Alisson sozinho na intermediária ofensiva. O meia ex-Cruzeiro arriscou de perna esquerda e contou com grande falha do goleiro Xavante para empatar o duelo.

Mesmo com o empate, o Grêmio seguiu partindo para cima. Após grande lançamento de Maicon, Everton buscou na linha de fundo pela esquerda, e cruzou para Luan,  nas costas da defesa, dominar e, de canhota, fazer. Kannemann ainda teve chance de matar a partida, depois que o camisa 7 cobrou falta na área, mas a cabeçada do argentino passou muito perto da trave e se perdeu pela linha de fundo.

Antes do apito final, ainda houve tempo para a entrada de Michel, no lugar de Maicon. A partida marcou a estreia do volante canhoto na temporada de 2018.

Com a vitória sobre o Brasil-Pel, o Grêmio deixa, provisoriamente, a lanterna da competição , mas permanece na Zona de Rebaixamento com 4 pontos. Na próxima quarta-feira (14), vai até a Argentina enfrentar o Independiente-ARG, em jogo válido pela ida da Recopa Sul-Americana.

Comentários