Geromel comemora marca histórica com a camisa do Grêmio: “Essa fome persiste, é uma honra”

O zagueiro tricolor completará 300 jogos com a camisa do Grêmio diante do Caxias no próximo domingo

Foto: Divulgação / Grêmio FBPA

No início da tarde desta sexta-feira (07), o zagueiro Geromel, do Grêmio, concedeu uma entrevista coletiva e falou sobre o início de trabalho do Tiago Nunes e projetou a próxima decisão diante do Caxias, no domingo. O capitão tricolor também baterá um marco pessoal com a camisa gremista e falou sobre o feito histórico.

300 JOGOS

Neste final de semana, Geromel baterá a incrível marca de 300 jogos com a camisa do Grêmio. O capitão relembrou quando chegou no clube gaúcho: “Quando cheguei aqui no comecinho de 2014, fiquei no Olímpico treinando. Mas já jogávamos na Arena. Cheguei com muita fome, muita vontade de mostrar que eu tinha condições de jogar em um grande clube do Brasil. E essa fome persiste, é uma honra”.

Sobre a marca comentou: “Para mim é um privilégio é uma honra jogar 300 jogos com essa camiseta. Ingredientes para trazer esse dia especial não faltam, vale uma vaga na final do Campeonato Gaúcho. Vamos trabalhar duro para conseguir essa vaga”.

Ainda, o zagueiro complementou: “É um privilégio poder estar jogando 300 jogos com a camisa do Grêmio. Sinceramente nunca imaginei jogar tanto por um time e eu fico muito feliz. Espero dar muita alegria ao torcedor ainda”.

KANNEMANN

Próximo de reeditar a história dupla com o argentino, Geromel exaltou seu companheiro: “O Kannemann é uma pessoa e um jogador de altíssimo nível. Estava com algumas dores no ano passado e agora está se cuidando para voltar 100%. Tenho que certeza que vai nos ajudar muito”.

RUAN

Enquanto a volta de Kannemann não acontece, o jovem zagueiro Ruan foi quem formou dupla com Geromel. O capitão elogiou o menino: “O Ruan já vem treinando com a gente há algum tempo. Sempre teve muita qualidade. Não é atoa que vem atingindo o alto nível dos últimos jogos. É um moleque que tem grande virtudes. E está escutando a gente, tem a cabeça aberta para aprender. O Grêmio tem um futuro potencial para honrar a camiseta e dar muitas alegrias ao torcedor gremista por muitos anos”.

TIAGO NUNES

Perguntado sobre a diferença na mudança de treinadores, Geromel respondeu: “Varia muito de treinador para treinador. Cada um tem um estilo. E cabe a nós fazer o que o treinador pede. Estamos assimilando as ideias e tem a questão do posicionamento. Estamos ajeitando para deixar afiadinho e não levar nenhum gol”.

O zagueiro também elogiou o novo comandante: “O Tiago (Nunes) tem se mostrado um profissional muito competente, estudioso, focado nos detalhes. A gente tem treinado exaustivamente uma série de questões táticas, posicionamento, bola parada”. E adicionou: “Tem se mostrado um profissional muito competente e capaz”.

PÓS-LESÃO

O zagueiro não atuava desde o Grenal 429, quando rompeu os ligamentos do tornozelo. Sobre esta sua volta, Geromel comemorou: “Na verdade me preparei muito nestes 3 meses que fiquei parado. Vinha treinar de manhã e de tarde no Grêmio, me preparando o mais rápido para me condicionar. E isso ajudou para quando tivesse pronto estar nas melhores condições”.

CAXIAS

Projetando o próximo duelo, o capitão comentou sobre a dificuldade partida de ida diante do Caxias: “A equipe do Caxias é uma equipe muito qualificada. Os resultados recentes sempre foram apertados. A gente sabe da dificuldade, tivemos um confronto muito complicado na Serra”.

Entretanto, fez questão de reiterar a imposição que o Grêmio precisa ter: “Acho que esse jogo pode servir de exemplo para gente. Conseguimos construir um placar muito difícil na casa deles. Mas na Arena teremos que impor nosso jogo, impondo nosso jogo com respeito e muita vontade. Pois não foi fácil”.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Exclusivo: Brenno sonha com Seleção Brasileira e revela inspiração em Rogério Ceni
Inter x Juventude: escalações, arbitragem, momentos e transmissão
Deixe seu comentário