Estimativa de queda de receitas do Grêmio sobe para R$ 28 milhões

Foto: (Lucas Uebel/Grêmio FBPA)

Em entrevista à Rádio Grenal, o presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Jr., revelou que a projeção de queda de receitas do clube aumento. Com a paralisação no futebol, a previsão atual de perda de lucro é de R$ 28 milhões. E as cifras devem aumentar com a paralisação do futebol.

Conforme indicou o mandatário gremista, um dos fatores no impacto das contas está ligado as vendas da loja oficial: “O Grêmio tem suas lojas fechadas. Nossa única venda é pela venda online. O Grêmio que tinha uma previsão de queda de receita de R$20 a R$25 milhões, hoje está em R$28 milhões. Os impactos ainda serão mais fortes”, afirmou Bolzan.

Possíveis negociações

Com as readequações no orçamento, a venda de jogadores se torna inerente. E, o clube já se mostra aberto para negócios, que anteriormente tinham status de “impossível”.

“Vivemos em um momento de excepcionalidade. O que nos parecia impossível de levar adiante, pode ser possível. Não sabemos que tipo de proposta vai vir por conta do momento. Mas temos que ter a serenidade de saber o que nos resolve. Vamos ver que tipo de situação aparece. Mas não vamos abrir mão de manter um elenco competitivo”, finalizou o presidente do Grêmio.

Ouça a entrevista na íntegra:

 

 

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Covid-19: Estádio Vieirão, cedido pelo Grêmio, abriga moradores de rua em Gravataí
Jean Pyerre participa de entrega de marmitas em sua cidade natal
Deixe seu comentário