Em noite decisiva, Inter vence o Olimpia por 1 a 0 e encaminha classificação na Libertadores

Foto: Ricardo Duarte / S.C. Internacional

O colorado foi ao Paraguai com uma única missão: vencer e seguir vivo na Libertadores. Enfrentou o Olimpia no estádio Manuel Ferreira, em mais um jogo decisivo na semana colorada. Com surpresas, Miguel Angel Ramírez mandou à campo: Saravia, Taison e Caio Vidal como titulares. Além de Thiago Galhardo no comando de ataque.

PRIMEIRO TEMPO

Inter iniciou bem a partida,  tentando buscar o gol em um rápido contra ataque. No entanto, o jogo se tornava lento, sem muita criação de ambos lados. O Olimpia adiantava suas linhas para pressionar a saída de bola do Inter, tentando recuperar a posse já no campo de ataque, mas sem sucesso.

O ritmo do jogo ia se tornando cada vez mais lento. Passava-se muito tempo no campo do Inter, tendo posse de bola, mas os jogadores não arriscavam as bolas. Aos 33, o Olimpia conseguiu criar um bom lance, Otálvaro foi acionado pela direita com muita liberdade e invadiu a área. Ele puxou para o meio e tentou a finalização, mas mandou para fora. Sem perigo algum.

Aos 37, conseguiu chegar novamente,  Estigarribia dominou o rebote na entrada da área e pegou uma defesa do Inter desarrumada. Encontrou Torres livre às costas de Saravia dentro da área. O lateral chutou de primeira, e a bola saiu passando perto da trave de Lomba.

O primeiro tempo se encerrou com 0 a 0 no placar.

SEGUNDO TEMPO

A segunda etapa iniciou com Inter melhor. Com mais ritmo de jogo e criando espaços para atacar a equipe adversária, a marcação mais intensa fazia o time do Olimpia se perder em campo, dando ainda mais chances para que o Inter crescesse de produção.

Logo no primeiro minuto de jogo, Edenílson cobrou escanteio na cabeça de Dourado, que apareceu livre na pequena área e cabeceiou mal. Mas não importou: o volante estava impedido. Aos 2, na sequência, Palacios acionou Thiago Galhardo pela esquerda. Com liberdade, o atacante tentou o toque de primeira para Edenílson, que apareceu livre pelo meio. A bola foi na direção do gol, para fora.

Aos 20, expulsão! Do lado paraguaio, Salcedo recebeu o segundo amarelo e saiu de campo. 

Mas foi no apagar das luzes que o gol que mudou a partida veio no placar. Moisés dominou pela esquerda e cruzou para o segundo poste. Marcos Guilherme escorou de cabeça, e Yuri Alberto finalizou de primeira, com muita precisão, no cantinho para abrir o placar. Inter 1×0 Olimpia. 

Para equilibrar, mais uma expulsão, dessa vez, do lado colorado. Cartão vermelho para Yuri Alberto. 

Com 1 a 0 no placar, o Inter venceu e respirou tranquilo no grupo da Libertadores.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Falcão reitera desejo de voltar a trabalhar como treinador: “Tenho muito a contribuir”
Ramirez elogia representatividade de Taison e mantém cautela sobre classificação encaminhada
Deixe seu comentário