“É o jogo que vale o nosso ano”, destaca Marcelo Lomba

Depois do empate em 0 x 0 pelo campeonato gaúcho, o Internacional voltou pra casa com hora marcada pra sair. Os jogadores que não atuaram diante do Ypiranga trabalharam no campo visando a partida diante da Universidad de Chile, às 18h. A atividade que trabalhou a bola parada defensiva aconteceu toda com portões fechados.

Nessa terça-feira o Inter entra em campo diante da Universidad do Chile pela Pré-Libertadores, às 18h, no estádio Nacional. Já classificado para as semifinais do Gauchão, o foco está todo nesse jogo garante o goleiro Marcelo Lomba, que avaliou a partida como o jogo que vale o ano para o time comandado por Eduardo Coudet.

No Chile, os problemas sociais mais atrapalham, Lomba e os companheiros esperavam toda segurança necessária no objetivo de apenas jogar. No campo, Rodinei ainda é dúvida, mas Lomba admitiu contar com o lateral-direito, que segundo ele viaja ainda com algumas dores.

Para estreia na Libertadores o Inter deve ter o mesmo time que venceu o Pelotas, pelo Gauchão: Marcelo Lomba; Rodinei (Heitor), Moledo, Cuesta, Moisé; Musto, Edenilson, Lindoso, Patrick; D’Alessandro e Guerrero.

A rádio Grenal transmite a partida desta terça-feira com o comando de Haroldo de Souza.

Voltar Todas de Esporte

Compartilhe esta notícia:

Conmebol antecipa horário entre Universidad de Chile e Inter, pela Libertadores
Além de Kannemann, Grêmio tem desfalque de Patrick em último treino e pode ter novidades entre os relacionados
Deixe seu comentário