Diretoria colorada assume conversa com Pato, mas destaca: “Não vamos esperar ninguém”

Foto: Divulgação / São Paulo FC

A direção colorada admitiu que procurou o atacante Alexandre Pato após saber que o atacante estava rescindindo com o São Paulo.  A declaração foi dada pelo executivo de futebol, Rodrigo Caetano, após a vitória sobre o Atlético-MG na noite deste sábado (22). O dirigente assumiu que o Inter procurou sim o jogador para um possível retorno ao Beira Rio, mas disse que agora o clube aguarda uma decisão de Pato.

“Depois da rescisão do Alexandre com o São Paulo e por conta de toda a história dele aqui, fizemos um contato para sondar qual era o desejo dele, para talvez abrir uma negociação com o Inter […] Apesar de juridicamente já estar desvinculado, ele ainda está se desvinculando emocionalmente do São Paulo, e o que nos transmitiu é que, por enquanto, não vai tomar nenhuma decisão em relação ao futuro da carreira”, disse Rodrigo Caetano.

Após a lesão de Paolo Guerrero, o nome de Alexandre Pato começou a ser especulado pois o jogador não estava sendo aproveitado no São Paulo de Fernando Diniz. Na última quarta-feira (19), o campeão mundial pelo Inter em 2006 rescindiu com o clube paulista e recebeu uma proposta do colorado. No entanto, a conversa não avançou tanto quanto o esperado e Pato não confirmou sua vinda. “Nós não temos nenhuma negociação em vias de ser concretizada seja com Pato ou qualquer outro”, disse Caetano.

O Inter aguarda a resposta do atacante, mas segue buscando outra opções disponíveis no mercado. Na entrevista coletiva, o executivo deixou bem claro o posicionamento do clube: “O Internacional é gigante e não pode esperar por quem quer que seja. O Inter está acima de qualquer cargo e qualquer pessoa. O respeito por quem aqui passou será eterno, mas que isso fique claro”.

Rodrigo Caetano ainda destacou que mesmo as futuras contratações, como quem já faz parte da equipe, precisa estar satisfeito com o momento e o futuro que o Inter projeta: “Qualquer atleta que não tiver o entendimento de que aqui pode ser o melhor projeto esportivo, não vem. E aquele que tiver o entendimento, dentro do clube, que o Inter não é o melhor projeto para si, não fica”.

Apesar de já ter destacado que procura uma reposição para a posição de Guerrero e não um substituto para o jogador, o Inter segue buscando reforços para o ataque. Na mesma coletiva, Rodrigo Caetano anunciou que William Pottker teve uma lesão muscular na coxa direita. Com isso, Coudet, atualmente, tem à disposição para o ataque Marcos Guilherme, Thiago Galhardo, João Peglow e Yuri Alberto.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Após vencer o Galo, Coudet valoriza desempenho e a forma como sua equipe se adaptou ao adversário
Enquanto aguarda reforços, Coudet adapta seu ataque com o que possui à disposição
Deixe seu comentário